.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Debate Mega Junta, analisado como se fosse futebol, que é aquele jogo onde se defende o negócio...

Foto José Dias, via  Rui Torres
Resultado final - "Esteves Empata jogo e Saltão sai saltinho!"
Vamos analisar o debate à Junta de Buarcos e São Julião, não politicamente, mas em jeito de crónica de futebol. 
Tivemos em jogo as equipas candidatas ao título (PS e PSD). As que lutam para não descer (CDU). E, ainda, aquelas que querem subir de divisão, ou seja, eleger pelo menos o cabeça de lista (BE, MPT e CDS).
José Esteves do PS, no poder há doze anos, quatro anos como número dois de Carlos Moço (a quem tirou o tapete - dizem) e os últimos oito como Presidente. 
Incialmente não queria este desafio, mas acabou por aceitar: ainda bem para ele e para o PS
Esteves não ganhou o debate, mas soube gerir muito bem, no seu estilo muito peculiar (tipo Jorge Jesus, com o português muito limitado e com  dificuldade na organização das ideias) o capital de vantagem de estar no poder e da conjuntura favorável da Câmara e do governo. Tentou falar  o minímo e refugiou-se no "boneco - personagem" que criou, do "coitadinho", do  "pobre pescador, descalço, que ama a sua terra, patriota porque ama a sua terra - Buarcos. Honesto e trabalhador."
Competia ao candidato João Saltão, do PSD, tomar a iniciativa e mostrar argumentos evidentes da superioridade da sua candidarura, de forma a "roubar" o "titulo" ao José Esteves. 
Porém, para além de não ter sabido explorar as fragilidades/erros de quem está no poder há doze anos, também não soube explanar as suas ideias e propostas, chegando a ser redutor e até atalbahoado
"Não lembra ao careca", parafraseando o Presidente da República, propor um gabinete de apoio só para as mulheres vitimas de violência doméstica, quando a nossa sociedade defende, e bem, a igualdade de género e quando uma em cada quatro vitimas é do género masculino. Saltão propôs também uma UNIVA - Unidade de Inserção para a Vida Activa, que era um programa do IEFP,  e já näo existe há mais de dez anos, foram substituidos pelos actuais GIP - Gabinere de Inserção Profissional, que já funcionam mas Câmaras.  
Com um curriculum académico e profissional tão vasto e profundo: alto quadro dirigente da Administração Pública, esperva-se muito mais do Senhor Engenheiro Saltão.
Notou-se não estar técnica e politicamente preparado... Evendiciou estar mal orientado/aconselhado e não foi notório só no debate,  foi uma constante em toda a campanha (ainda que continue deslumbrado, e "prognóstico só no fim do jogo", pelo seguro, é melhor comprar o champanhe depois do dia 1 de Outubro...)
António ("João") Baião, da CDU, é uma "velha raposa", tem a lição estudada, tipo relógio suiço, e tudo indica que vai conseguir ser eleito e, assim, esta força politica "não desce de divisão"
Por último, mas não menos importante, os candidatos que querem "subir de divisão", ou seja, serem eleitos, foram os "animadores" deste debate. 
Luis Carlos do CDS, Pedro Oliveira do BE e Celso Morais do MPT, todos mostraram estar bem preparados, com discursos assertivos e pertinentes
Qualquer um destes candidatos dava um excelente presidente de Junta, melhor que o actual e melhor ainda  que  o "salvador" do PSD - Saltão, que politicamente já se viu ser saltinho!  

Reportagem do repórter desportivo "Lingrinhas Pé Descalço", enviado especial ao Silva Soares do ANC -Caralhete News.

Nota de rodapé: 
E tanto que havia para explorar: cozinhas luxuosas, estátuas, anjos, pavilhões para guardar manilhas da chuva, o pinhal na praia, os continentes, rede pública de transporte, o PEDU, o campo sintéctico de futebol em Buarcos,  a aldeia do mar, a água, saneamento, etc, ...
Tanto penalti sem guarda-redes na baliza e Saltão, ingloriamente, desperdiçou todas as oportunidades ao "chutar" para a bancada!..
No final desta partida, como grande técnico de futebol, mais uma vez, José Esteves levou a água ao seu moinho...
Parabéns campeão!

1 comentário:

Anónimo disse...

Todos juntos não conseguem ser um Candidato com o mínimo exigível em capacidade, qualidade, trabalho, participação cívica na comunidade e conhecimento para ser futuro Presidente da Junta de Buarcos e São Julião... Uns concorrem por corrida ao tacho,outros por vaidade, outros por imposição das estruturas partidárias e outros a fazer a frete a estruturas partidárias nas quais nunca comungaram do seu ideário politico... Estão ao nível da população cuja a esmagadora maioria também só pensa no seu umbigo e em intriguice baixa.