.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

segunda-feira, 31 de dezembro de 2007

X&Q244

Vamos continuar a esperar sentados na praia?

(“todos os dias procuro na palavra aquela voz interior que preciso para poder expressar quem sempre fui, diante das novas circunstâncias que os novos tempos me trazem”)

.........................................................Foto: Pedro Cruz
2007, tem hoje o último dia.
Vivemos, neste ano que está prestes a finar-se, e nesta Terra abençoada pela natureza, que os iluminados ainda não conseguiram estragar totalmente, o tempo dos inteligentes. Bom, mas convém deixar claro: inteligentes que apenas o são, pela estupidez dos outros...

Amanhã, no calendário, tem inicio um ano novo.
Do ano novo, espera-se vida nova. Vida nova, seria, por exemplo, sentir que além do crescimento económico a sociedade iria crescer em cidadania, justiça e solidariedade. Alguém acredita que isso vai acontecer?
2008, vai ser um ano de imensa propaganda. Mais ainda que 2007.
E, não será necessário muito tempo para darmos conta disso...
Afinal, “quem vence na vida não são os melhores, são os que se adaptam”.

No próximo ano, isto é, já a partir de amanhã, nada vai mudar. Tudo vai continuar na mesma. Ou seja, a sociedade vai continuar a detestar quem pensa diferente. Mais: quem simplesmente pense...
A lógica do poder provinciano é dar nas vistas, tornar as pessoas dependentes, sem opinião própria, gratas, reverentes – assim se consegue o terreno fértil para a angariação dos votos.


Cá na Terra, o caminho está traçado. Quem percorrer vias alternativas será punido. A independência vai continuar a ter preço.
Todavia, a democracia de que todos enchem a boca, é a discussão dos diversos pontos de vista.
Por aqui, reina o que convém à situação: o consenso amorfo, acéfalo, cobarde e conveniente.
Resumindo e concluindo: reina a paz podre dos interesses instalados.
Mas, “sabe tão bem sentir o silêncio de estar vivo”.

X&Q218


domingo, 30 de dezembro de 2007

Aterro sanitário


Houve um Amigo que me deu a ideia: publicar, num espaço, à parte, o aterro sanitário do blogue. Isto é, os comentários anónimos que não publico por serem do mais baixo nível que possam imaginar. Resisti à ideia...

Há comentários que se identificam – e identificam - bem quem os faz.Um tal anónimo, como não podia deixar de ser, artista na arte de meios-pensamentos, como em anteriores ocasiões demonstrou claramente, resolveu deixar a sua marca, mesmo quase até ao final do ano.
Como em tantas outras tentativas feitas para enriquecer o aterro sanitário deste blogue, não teve sorte: o comentário foi incinerado.

Amanhã, neste blogue, prometo uma ocasião excelente para este anónimo continuar a demonstrar a sua verdadeira face.
Vamos acabar o ano em beleza?..

Iniciados

TOCHA / COVA-GALA
Ver resultado e fotos deste jogo aqui.

X&Q220


sábado, 29 de dezembro de 2007

O amor é lindo

(foto Jack Guez/AFP -via Jumento)
O Presidente francês Nicolas Sarkozy e Carla Brun.
Sarkozy, voou para a cidade egípcia de Luxor, a bordo de um avião privado, acompanhado pelo seu novo amor, para passar o Natal nas margens do Nilo.
Como vêm, há mais mundo para além da política.

Crise? 2008 vai ser melhor...


"Os cinco partidos com direito a subvenção estatal por nas últimas legislativas terem obtido mais de 50 mil votos vão ver o apoio público aumentar em 2008 em 5,7%, muito acima da inflação esperada de 2,1%.

Nesta situação, e tendo por base os resultados das eleições legislativas de 2005, estão actualmente abrangidos pela subvenção estatal PS, PSD, PCP/PEV, CDS-PP e BE, que no seu conjunto conseguiram cerca de 5,065 milhões de votos. O apoio estatal global pago em 2007 foi de cerca de 15,144 milhões de euros, enquanto o de 2008 vai ser de 16,005 milhões de euros."

Será que a pressão de Menezes funcionou?




Faria de Oliveira, militante do PSD desde Outubro de 1974, membro do Conselho Nacional do PSD de 1986 a 1990 e de 1992 a 1995, membro da Comissão Política Nacional do PSD de Abril de 1990 a Novembro de 1992 e de Fevereiro de 1995 a Março de 1996 e Vice-Presidente do PSD de Fevereiro de 1995 a Março de 1996, é o novo Presidente da Caixa Geral de Depósitos.

sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Carlos Santos Ferreira e Armando Vara esqueceram tudo o que sabiam sobre a Caixa no dia em que dela se demitiram?


"Carlos Santos Ferreira é, sem qualquer dúvida, um homem competente, e por isso pergunto: como é que alguém que é pago com o dinheiro público para defender esse interesse público, pode aceitar a simples ideia de «deslocar» o Presidente da Caixa para o seu maior concorrente e ainda por cima privado?"
“Será a Administração da Caixa um local de passagem onde alguns tirocinam para ganhar experiência mínima e conhecimentos para ir depois actuar contra ela a favor de terceiros?”
Mas, segundo a SIC a "Crise" ainda não está definitivamente ultrapassada".
"Há quem não esteja satisfeito com a escolha de Santos Ferreira e Armando Vara".

Ai, "as incompatibilidades à portuguesa"!

Últimos retoques para a faina...

Largas dezenas de covagalenses, arrancam dia 1 de Janeiro com a habitual época de pesca à lampreia no rio Mondego. Trata-se de um período muito apetecível para os pescadores locais, tendo em conta o preço que esta pode atingir.

aF3

Benazir Bhutto



"nunca abdicou das suas razões e nunca deixou que o medo, os medos, lhes tolhessem a vontade nem nunca abdicou do seu direito de exercer a liberdade."

O habitual


“Com inauguração prevista para antes da próxima época balnear, a substituição da Ponte dos Arcos não deverá cumprir o calendário inicialmente previsto.”

Mais pormenores, aqui.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Serei um ingénuo do caraças?..



Sopraram-me!... Mas eu não acredito: “será que, afinal, há mesmo um acordo de cavalheiros para dividir a banca pelos dois partidos do Bloco Central?”

Bom, se for mesmo assim, porque não estender então o acordo de cavalheiros para dividir a gestão de outros interesses locais!...

A PESCA FLUVIAL NA COVA E GALLA



... noutros tempos


"As espécies piscícolas que mais abundam no Mondego são os linguados, sôlhas, tainhas, robalétes, enguias, fanecas etc., que se pescam durante todo o anno, e as lampreias, sáveis, savelhas, corvinas, de Janeiro a Abril, quando estes peixes sobem os rios para a dosova. Nos bancos, e covões de arêa que se espalham pelo leito do rio, ficam a descoberto na vasante das marés, apanha-se o berbigão, o mexilhão, a navalha, o lingeirão, etc.

Principalmente de Inverno, quando a agitação do mar impede a sahida dos barcos para a pesca do alto, e por este motivo se torna impossível também o emprego das rêdes do arrasto, a pesca f1uvial atinge extraordinária importância, abastecendo ella só os mercados da Figueira, Coimbra a outras povoações limitrophes."


In ÁLBUM FIGUEIRENSE

X&Q243


domingo, 23 de dezembro de 2007

Na despedida de 2007

Ontem, jogaram os Infantis e os Iniciados. Hoje, estiveram em campo os Seniores.
No último fim de semana futebolístico deste ano, os Seniores do Grupo Desportivo Cova-Gala voltaram a dar uma prenda aos seus adversários.
O Meãs, venceu por 1-0. Justamente, aliás. É verdade que o árbitro marcou dois pénaltis inexistentes, mas, antes, o Meãs marcou um golo, que por razões que só o árbitro e o auxiliar do lado nascente poderão explicar, não contou. A bola esteve dentro da baliza do Cova-Gala, bateu num dos ferros que sustentam a rede e saiu.
Depois, já não houve mais desporto. O árbitro, acagaçado, marcou dois pénaltis, um dos quais falhado, e marcaria todos os que fossem necessários até o Meãs ganhar a partida. A compensação é no que dá.
Assim, quem é que vai continuar a ir ao futebol. Eu não...

Mais uma vez, esta época, ao que tudo indica, o Cova-Gala vai ficar pelo caminho no que à subida de divisão diz respeito. Vencer a série B, do distrital da I divisão, não sendo ainda uma tarefa matematicamente impossível, é, na prática, uma miragem.
Os jogos, ganham-se dentro do campo, com esforço, dedicação, determinação, afirmação competitiva, competência e suor – muito suor. Não só dos jogadores, mas de toda a “máquina desportiva” do Clube.
Um Cova-Gala forte, independente dos “poderes e pressões” e afirmativo, certamente que não passaria pelas vicissitudes que o emblema de São Pedro actualmente está a passar.
Talvez não seja consensual, mas um “Cova-Cala à moda antiga”, o “Cova-Gala da identidade, das raízes”, não estaria na encruzilhada que este “Cova-Gala dos tempos modernos” vive. Isto, pode ser uma mensagem difícil de passar para certas mentes “modernas”, que pensam que sabem tudo, mas perfeitamente perceptível para quem tem historial dentro do Grupo Desportivo Cova-Gala.

O próximo ano aí está quase a romper. Oxalá possa trazer ao Grupo Desportivo Cova-Gala os êxitos desportivos e sociais que todos desejamos. Mas, isso não vai cair do céu. Vai exigir uma nova forma de sentir o Clube e uma mudança de mentalidade clubistica. Vai exigir bairrismo (no bom sentido), luta, dinâmica (dentro e fora do campo), critérios de exigência, auto-crítica, organização e um certo regresso às origens - quando se vivia e sentia uma ligação do Clube ao Povo da Cova e Gala.
Este Cova-Gala “dos tempos modernos, deixou de dizer “coisas” a muito mais gente do que certos directores imaginam...
Ou pensam, que é por mero acaso, que as assistências aos jogos, no Cabedelo ou fora, são tão diminutas?

Seniores

MEÃS / COVA-GALA
Ver resultado e fotos deste jogo aqui.

Morraceirra Warfest

Mais fotos do Festival aqui.

X&Q241

Deixem-me rir

Carlos Santos Ferreira, um socialista, vai para a presidência do maior banco privado português – o BCP.

Está na hora de nomear um gestor próximo do PSD para a presidência da Caixa - Miguel Cadilhe.

Assim se constrói a felicidade do sistema político português - particularmente a do bloco central.

É assim em todo lado neste País: em Portugal, na Figueira e na vila de São Pedro.

sábado, 22 de dezembro de 2007

Faltam três dias


Por mais três dias ainda é Natal.
Estamos a três dias de acabar com o suplício das doses, imensas, de publicidade. Das campanhas e programas especiais sobre o Natal (por acaso, iguais todos os anos).
O Porto, este ano, tem a maior árvore de Natal da Europa que, certamente também por mero acaso, é patrocinada por um Banco. Com espírito de Natal?...
Por mais três dias ainda é Natal.
Vamos lembrarmo-nos dos sem-abrigo, dos toxicodependentes, das crianças abandonadas, dos bairros de lata.
Porque é Natal!..
E, no entanto, daqui a três dias, no resto do ano, estas pessoas vão continuar a existir.
Por mais três dias, até ao dia 25, ainda é Natal.
Daqui a três dias vamos verificar que o Natal dura pouco.
Afinal o que é o Natal?

Ainda o Sumol Nazaré Special Edition 2007

“A minha mãe queria bater-me quando viu isto no Record” – Jaime Jesus

Iniciados

COVA-GALA - S.SILVESTRE
Ver resultado e fotos deste jogo aqui.

Infantis

COVA-GALA / ACADÉMICA "C"
Ver resultado e fotos deste jogo aqui.

aF2


quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Uma instituição concelhia


O porco no espeto, conforme pode ver aqui, aqui, aqui, aqui, aqui e aqui, está a tornar-se numa autêntica instituição concelhia...

Um dia destes, manifestei a minha admiração por o meu Clube (sou sócio há muitos anos e tenho as quotas em dia)“embora por razões que a razão desconhece, este ano, ter comemorado o aniversário apenas no passado sábado, dia 8, quando o Grupo Desportivo Cova-Gala, na realidade, nasceu a 5 de Outubro de 1977.”

Ora bem, afinal a razão era bastante simples: em 5 de Outubro, ao que julgo saber, não havia dinheiro para o porco no espeto.

Agora, pelos vistos, já houve. Quem terá pago?

A Figueira mantém-se no impasse

... "tudo continua como até à noite da segunda-feira".

"É oficial.
Já são conhecidos dois candidatos ao 3º round do ano para a concelhia da Figueira da Foz do PSD.
João Pedrosa Russo, advogado e deputado municipal do PSD vai desafiar Lídio Lopes, líder eleito e vereador do PSD na Câmara Municipal da Figueira da Foz".

Gostava era de saber, porque "são boas notícias para o PSD, e más notícias para o PS e Lídio Lopes."

X&Q239


Ver aqui.

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Figueirenses em destaque no Sumol Nazaré Special Edition 2007


Classificação final:

Final:

Luís "Porquito" Pereira - Figueira da Foz
Pierre Louis Costes
Manuel Centeno
Ricardo Faustino
Bernardo Alvim
Jaime Jesus - Figueira da Foz

Ler mais aqui e ver fotos aqui

Santana continua a andar por aqui ...

Para aumentar, clicar em cima da imagem
Antigos presidentes de junta e vereadores, assinalaram os 10 anos sobre a candidatura de Santana Lopes à câmara da Figueira, com um jantar que se realizou no passado sábado.

Foi um “jantar de amigos”, mas igualmente um momento político.

Daí, que se tivesse feito notar quem esteve presente. Mais significativas, ainda, tanto mais que se tratava de “um jantar de amigos”, foram as ausências, nomeadamente a de Carlos Simão, um dos dinossauros presidentes de junta do concelho, que nas últimas autárquicas fez campanha, de forma clara e explícita, pelo PSD.

Todavia, ao que sabemos, no fim de semana anterior havia estado num comício do PS em Buarcos. De bandeirinha em punho...

Em política, o que hoje é verdade, amanhã talvez não...Mas, Santana Lopes continua a andar por aqui.
E, se não vier a ser outra coisa, pode muito bem vir ser Presidente da Assembleia Municipal ...
Mas, sempre, uma influência importante dentro do PSD Figueira.



domingo, 16 de dezembro de 2007

Uma croniqueta de fim de semana

(O Campo do Cabedelo, a Confraria do Bitûmen e a minha solução final)


Até o Pacheco Pereira anda muito preocupado com o “Bloco Central dos Interesses...”

Todos sabemos que as obras públicas são política pura... e para isso não é preciso ter o rasgo intelectual de Pacheco Pereira.

O caminho seria pensar nos problemas a partir dos próprios problemas e as soluções a partir das próprias soluções...

A propósito dos terrenos lá para os lados do Cabedelo, ao seu estilo, o blogue aldeia olímpica deixa um "bitaite" sobre o que “deveria ser o destino daquele espaço desportivo”.

Meu caro blogueiro não perca tempo: o destino, no segredo dos deuses, há muito que foi traçado pelo tal bloco central dos interesse. O tal “laranja rosácea ou rosa alaranjada”.

Já tivemos de esperar mais. Não tarda nada e vai ficar tudo esclarecido...

Iniciados

GÂNDARA - COVA-GALA
Ver resultado e fotos deste jogo aqui.

X&Q199


Dez anos é muito tempo?


As saudades da Figueira já espreitavam...

Hoje é dia de andar por aí, para ir jantar a Caceira com os presidentes de junta do seu mandato de presidente da Câmara da Figueira.

Todavia, com Santana Lopes, as previsões só se podem fazer no fim do jogo.