.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

sexta-feira, 13 de abril de 2018

E não digam que isto é populismo ou demagogia...​

"Segundo a imprensa, o Novo Banco tem emprestados 5,4 mil milhões de euros (5400000000! 10 dígitos!) e não sabe quanto deste valor irá receber. António Ramalho, que está à frente do banco (que nos disseram que era o banco bom), disse em entrevista que o “grosso do problema” está em 44 empréstimos, (“apenas 1 superior a 500 milhões”, diz como que para nos descansar) e compara com a situação anterior, quando 6 mil milhões de euros estavam emprestados a apenas 5 pessoas/entidades.

Mas hoje o que eu sei com segurança é que 44 pessoas ou entidades estão a criar o grosso de um problema de 5,4 mil milhões que eu, como português, sou chamado a resolver, pagando. Eu pago, voluntariamente ou por imposto. Mas quero saber quem são! E considero ter direito a isso!"

O que acabei de citar, foi sacado de um artigo de opinião de Hugo Carvalho, publicado no jornal no Público
Eu sei que não é fácil, mas confesso que também gostaria de saber quem são, porque é que não pagam e porque é que o dinheiro foi emprestado sem garantia de pagamento.
Ao fim e ao cabo, quem acaba por pagar a conta, também sou eu...

Sem comentários: