Sou o senhor de meu destino; Sou o capitão de minha alma.” William Ernest Henley

quinta-feira, 16 de setembro de 2021

CDS-PP com medidas para aumentar população e emprego

Via OBSERVADOR
"O cabeça de lista do CDS- PP à Câmara da Figueira da Foz disse que espera conquistar eleitorado indeciso nestas eleições através de medidas para aumentar população e novos postos de trabalho neste concelho. “O nosso programa prevê conquistar 11 mil novos habitantes e sete a 10 mil novos empregos em oito anos”, afirmou Miguel Mattos Chaves à agência Lusa no segundo dia da campanha eleitoral para as eleições autárquicas de dia 26. 
Atento aos resultados das últimas sondagens, o candidato centrista sublinhou que pretende conquistar “eleitorado flutuante que está farto de ver a Figueira a definhar” e quer “buscar uma fatia” dos votos aos 30% de eleitores indecisos, apelando ao voto dos abstencionistas, que em 2017 representaram 50% do eleitorado, e aos eleitores para “deixarem de votar nos clubes e votarem nos projetos” propostos. 
A candidatura de Mattos Chaves, propõe-se a devolver aos cidadãos cinco milhões de euros de impostos, com a redução de 0,4% para a taxa mínima de 0,3 % da taxa do imposto municipal sobre imóveis (IMI), em 2022, e a devolução de 2,5% do imposto sobre o rendimento das pessoas singulares (IRS). Outras medidas passam por voltar a ter maternidade na Figueira da Foz e conseguir criar uma unidade de cuidados paliativos. O CDS tem propostas que passam pela atração de novos investimentos, através da requalificação integral da Linha do Oeste e das ligações ferroviárias a Coimbra, da expansão do porto de pesca, “para atrair iates transatlânticos”, e pela criação de duas novas zonas industriais no Pincho e Alhadas."

Sem comentários: