Sou o senhor de meu destino; Sou o capitão de minha alma.” William Ernest Henley

quinta-feira, 16 de setembro de 2021

Prognósticos e sondagens...


É por resultado surpreendentes, como o registado ontem em Alvalade, que tem cada vez mais razão João Pinto (o lateral-direito), em só fazer prognósticos "depois do jogo".
É precisamente por este tipo de surpresas que o futebol (tal como a política) tem a magia que tem. 
Fazer prognósticos (no futebol, na política chamam-lhe sondagens) implica sempre o risco de ser falível. 
Mas, já dizia a minha avó: "quem não arrisca, não petisca"...

Sem comentários: