"Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha." - Confúcio

segunda-feira, 31 de maio de 2021

Numa reunião camarária tipo chá canasta, fiquei a saber que a duna artificial do Cabedelo tem os dias contados...

Imagem retirada da net

Não estou a reconhecer os políticos figueirenses.
Está a decorrer e a dar em directo na net a reunião de câmara
Tem sido uma sessão produtiva. O presidente, os vereadores e as vereadoras, usam da palavra sem serem atropelados nas suas intervenções. As oradoras e oradores têm sido esclarecedores nas suas intervenções e os assuntos debatidos com urbanidade e clareza.
Fica o registo: qualificar um político (neste caso, mais do que um) como uma pessoa estimável, é o mesmo que afirmar de uma mulher, que é uma pessoa simpática. 
Hoje, também não me apetece ser desagradável. Sobre a reunião de câmara que ainda está a decorrer nada mais, por enquanto, tenho para dizer. Até ao momento, faltou só que tivesse sido servido um chá canasta e umas torradinhas...
Mas, eis surgiu que um sobressalto há poucos minutos. Ricardo Silva, vereador, perguntou: "como vai ser a época de verão no Cabedelo?"
Resposta de Carlos Monteiro, presidente: "a perspectiva é que os passadiços perpendiculares à linha de água estejam prontos antes do início da época balnear. Os outros não..."
Estou esclarecido: a duna artificial tem os dias contados...
Porém, como hoje também não me apetece ser desagradável, vou beber um cafezinho e fico por aqui... 

Sem comentários: