"Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha." - Confúcio

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Nem só da fama pode viver um deputado madeirense....


Assim de memória, parece-me que foi pelo mês de Abril, deste ano, que Alberto João Jardim se referiu aos deputados da oposição na Assembleia Legislativa da Madeira, como "um bando de loucos"...
"Eu acho bem não haver uma sessão solene, acho que era dar uma péssima imagem da Madeira mostrar o bando de loucos que está dentro da Assembleia Legislativa",
disse, referindo-se a deputados da Oposição, como "o fascista do PND, o padre Egdar (PCP)" e "aqueles tipos do PS".
"Acho que isso era dar uma imagem péssima da Madeira e ia ter repercussões negativas no turismo e na própria qualidade do ambiente".
E, a rematar, acrescentou: "eu cá não apresento aquela gente a ninguém".
Isto, foi em Abril. Agora, houve quem o levasse à letra...

1 comentário:

Anónimo disse...

Sem comentários.