"Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha." - Confúcio

terça-feira, 27 de março de 2007

GOVERNO PORTUGUÊS DESCOBRE UMA MANEIRA PATUSCA ( entre outras) DE ATACAR O FENÓNEMO DA CORRUPÇÃO

1 comentário:

Anónimo disse...

A educação e a cultura não passa só pela escola.
A história de Portugal, como a concebeu Salazar e a encenou António Ferro aí está para o provar.
António Ferro continua a ser uma figura incontornável para a compreensão das políticas culturais em Portugal. A cultura tornou-se com ele não apenas num veículo de propaganda, mas sobretudo um eficaz instrumento de controlo social. Ao contrário do que se afirma, a sua principal preocupação não era a criação e difusão das ideias do regime, mas a criação de meios de ocupação dos "tempos livres" dos portugueses. Estes constituíam um tempo potencialmente perigoso para o poder se não fosse organizado.