.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

sexta-feira, 16 de junho de 2017

"As tasquinhas" merecem uma localização condigna...

A Feira das Freguesias é um  evento sempre  aguardado com expectativa pelos figueirenses.
Durante vários anos realizou-se na Praça da Europa. Entretanto, fecharam-no no Multiusus e ficou a perder: a nível de som é a desgraça completa e quando coincide com dias quentes, torna-se insuportável.
Como faz parte das Festas da Cidade da Figueira da Foz, que celebram o S. João e duram um mês, "as tasquinhas", como era conhecido este evento gastronómico, merecem um local apropriado. Ei-lo. Mesas já há. Bancos também. O resto compõe-se...

Para quem não consiga perceber a importância de um executivo, de maioria absoluta socialista, quase há oito anos no poder na Figueira da Foz, aqui está um bom exemplo da criação e manutenção de espaços públicos ao serviço das populações. Um parque de merendas, instalado em plena Praia outrora da Claridade, agora transformada em praia da calamidade. Assim, sempre ficava desobrigado de cumprir a promessa de um dia levar  uma bucha e um garrafão de 5 litros para fazer ali um piquenique.

O certame que junta a gastronomia, as colectividades e a animação que elas levam ao pavilhão do parque das Gaivotas começou no passado dia 14. 
No primeiro turno, que se prolonga até domingo, participam Alqueidão, Bom Sucesso, Ferreira-a-Nova, Lavos, Paião, Quiaios e São Pedro.
Na segunda parte, de 28 de junho a 2 de julho, marcam presença Alhadas, Buarcos e São Julião, Maiorca, Marinha das Ondas, Moinhos da Gândara, Tavarede e Vila Verde. As iguarias e a animação de cada freguesia têm lugar reservado das 19H00 à 01H00, com entrada livre.

1 comentário:

Anónimo disse...

É pá faz bife na pedra.