Sou o senhor de meu destino; Sou o capitão de minha alma.” William Ernest Henley

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Tonalidades

1 comentário:

Anónimo disse...

O chôr Pedrinho anda a ver munta paisage bormelha.
É que o Maritmo tamém tem bormelho nas camisa.

Agora a sério: estamos perante um mestre.