.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

sábado, 22 de julho de 2017

Alto quadro da câmara municipal da Figueira da Foz, sente-se vítima de "bruxaria" e "mau olhado"!..


Considerado um amuleto poderoso na Grécia antiga, a ferradura é comumente encontrada atrás de portas de residências e comércios. 
Fica a sugestão para o alto quadro da câmara municipal da nossa cidade que se considera vítima de "mau olhado" e "bruxaria": que tal colocar uma ferradura atrás da porta do gabinete?
A sorte está nas suas mãos! Antigamente, quando alguém achava uma ferradura era sorte, porque podia dirigir-se ao ferreiro da aldeia e trocá-la por dinheiro. Com o passar dos séculos o significado prático passou a simbólico e a ferradura tornou-se um poderoso talismã, frequentemente inscrito com símbolos mágicos e usado para atrair sorte e prosperidade.

Estamos em Julho. 
É por esta altura que se notam as diferenças para os dias frios de inverno! 
Natural, portanto, que algumas mentes andem febris...
Há quem diga que gato preto é mau olhado! 
A beleza, para mim, que até nem sou grande  apreciador de gatos, incluido os pretos, é indiferente à superstição, pois vale por si e não precisa de justificações.

Não sei se pelos paços do concelho andam gatos pretos...
Sei, isso sim  - estamos a falar de alto quadro municipal - que há quem se julgue  perseguido  pelo "mau olhado"  e pela "bruxaria"!..
Para quem não é supersticioso - e eu não o sou mesmo - pensando melhor, a minha superstição, porventura, é não ser supersticioso!
Acham que sou complicado? Pois olhem que me entendo muito bem e de uma forma geral gosto de mim assim.

Desde que há memória que a superstição está unida ao homem. 
Não tendo explicação para qualquer fenómeno, remete a solução para um ser transcendente que tudo criou, contentando-se com essa simples remissão, em vez de explorar as hipóteses que se lhe colocam. 
É fácil e não exige muito... Por mim, não coloco ferraduras atrás das portas!
E, muito menos, era capaz de chamar a Polícia para realizar uma busca ao meu gabinete de alto quadro da Câmara Municipal da Figueira da Foz, para descobrir impressões digitais que levassem à descoberta de quem andava a fazer-me "bruxarias" e a lançar-me "mau olhado"!..

É inacreditável no que certa gente consegue acreditar.... 
Estou completamente rendido e seduzido!
Querem-nos com bom senso, equilibrados, bonzinhos, porque senão processam-nos! 
Só nos falta ordenarem-nos para sermos bons alunos seguidistas das ordens municipais! Pela minha parte cooperarei no NÃO. 
Não lhes darei a alegria da complacência... 
Perante anedotas como esta, podem contar com o meu odiozinho de estimação, que é uma coisa completamente inócua, mas divertida!..

Sem comentários: