.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

A propósito das reuniões à porta fechada na Câmara da Figueira... (II)

Ontem nesta postagem, demos conta do seguinte comentário do jornalista José Luís de Sousa no facebook: "ninguém - fora os jornalistas - se queixa...".
Como dissemos ontem não é bem assim. 
Como a verdade é para ser reposta, cliquem - além de aqui  - 
também aqui, que foi de onde saquei a crónica que podem ler...
Já somos, pelo menos, dois que se queixaram...
Já agora, os senhores jornalistas figueirenses já se interrogaram sobre o seguinte: no tempo em que podiam fazer a cobertura de todas as reuniões camarárias na Figueira, faziam o seu trabalho com objectividade e competência, sobre o que de realmente importante para os munícipes ocorria nas  sessões camarárias, ou limitavam-se a fazer crítica cinematográfica a protagonismos de actores experientes e traquejados em filmes de ficção?..
Em política nem só os factos contam. O contexto em que eles se desenvolvem, empresta-lhes muitas vezes significados diversos. 
Eu não previ, em devido tempo, que a “coisa” ainda daria muito que falar e escrever?.. 
Para ler melhor a crónica da imagem do lado direito, basta clicar na imagem.

Sem comentários: