segunda-feira, 4 de julho de 2016

Um Museu representativo da República...

Pelo menos uma das obras, foi encontrada na casa de Diogo Gaspar...

Ao estado a que Europa chegou: à chantagem política...

Bruxelas quer aplicar sanções a Portugal, em 2016por Governo ter aplicado a política de Bruxelas, em 2015, e para prevenir que os objectivos que Bruxelas exige cumpridos por Portugal, em 2016, sejam atingidos pela implementação de políticas contrárias à regra exigida por Bruxelas!
"Bruxelas dá três semanas a Portugal para apresentar medidas e evitar sanções"!..

Nota de rodapé.
Quando o PSD está resumido a passos coelho, relvas, Marilús e montenegros, vê-se o estado a que partido chegou.
Sá Carneiro deve andar às voltas no túmulo...
Quando o CDS está reduzido a Cristas, vê-se o estado a que o PP chegou...

A presença dos políticos nas procissões

A procissão em honra de S. Pedro é a maior manifestação religiosa da Cova e Gala.
João Ataíde e António Salgueiro, não são os primeiros políticos no activo, a participar nesta procissão.

Contudo, a meu ver,  a promiscuidade entre poderes políticos e religiosos só poderia existir em Estados teocráticos. 
Portanto, para encurtar texto, para mim é completamente inaceitável esta promiscuidade num Estado laico, como é Portugal.

Há limites para o populismo.
Portanto, não vejo nenhuma razão para os políticos andarem a elevar o ego de bispos, de padres e de crentes. 
Aqui na Cova e Gala, não temos de perpetuar o comportamento de Santana Lopes.  
Haja decoro!

O São Pedro sabe muito, porque é velho.
Já viu de tudo ou quase tudo. 
Desde ser seguido por um «enfant terrible» do PSD, em 1997, Santana Lopes de seu nome, que, aliás, teve uma carreira política sempre marcada pela polémica...

Senhores políticos locais.
Entendam isso como uma moda.
Utilizar uma pura manifestação popular e de profunda convicção religiosa para fins de campanha política, é ultrapassar os limites da ética e da decência.