.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

segunda-feira, 2 de dezembro de 2019

Acção de surfista tornou-se fundamental para salvar tripulantes de naufrágio na Figueira da Foz

"
Foto Pedro Cruz
Via SURFTOTAL
"Foi pelas 10:30 horas da manhã que um veleiro com cerca de 12 metros de comprimento conduzido por dois tripulantes de nacionalidade Francesa encalhou na Praia do Cabedelo da Figueira da Foz. Ambos os tripulantes decidiram abandonar a embarcação e atirar-se à água.
Os dois tripulantes, um casal francês, lançaram-se à água. Foi aqui que o surfista local da Figueira da Foz de nome Miguel Guedes encontrando-se na Escola ISurf Figueira viu a situação e prontamente vestiu o fato, pegou nos pés de pato e correu cerca de 400 metros até onde estavam. Aqui entrou na água para auxiliar o individuo da mota de água que tinha saído para resgatar as vítimas. Este ultimo entregou a primeira vítima a Miguel Guedes que prontamente a ajudou a caminhar para a zona segura na Praia. Passados uns minutos o mesmo aconteceu com a vítima feminina, esta encontrava-se em paragem cardio respiratória e aqui o papel de Miguel foi fundamental pois teve de se lançar à água para segurar a vítima feminina e juntamente com o condutor da mota de água a transportarem para a zona onde se encontravam os socorristas.
Este foi um acto que mais uma vez demonstra que os surfistas (com experiência) e conhecedores das dinâmicas das ondas e mar nas praias, têm vindo a ser uma presença fundamental para que se minimizem o número de afogamentos nas praias Portuguesas durante todo o ano, e não apenas na época Balnear."

2 comentários:

Unknown disse...

Heróis da Hora Certa!!

pereira disse...

estes anormais que dirigem a câmara municipal querem tirar esta gente do cabedelo. deviam ser todos condenados cada vez que uma coisa destas acontece, sem que haja gente por perto. os surfistas no cabedelo são mais importantes nestes momentos do que aquela gente em toda a vida.
deviam ter vergonha do comportamento que andam a ter, ao empurrarem para fora do cabedelo as pessoas válidas para lá colocarem os abutres da corte deles.