"Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha." - Confúcio

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Saudade da solidão do meu silêncio

Dezembro é o mês em que me falta a solidão do meu silêncio.
Pode ser um silêncio infeliz, mas a tristeza enche-me.
É uma carência de que gosto. Passa sem deixar vestígios, como um ataque de ansiedade no meio da praia deserta.
Estou num daqueles dias de Dezembro em que penso que nunca mais é Janeiro.

Sem comentários: