.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

A um presidente de Câmara, exige-se que tenha os olhos abertos e mostre solidariedade com os mais fracos: ser solidário, mais do que um dever, é uma obrigação...

Para ler melhor, clicar na imagem
Hoje é dia de reunião de câmara. 
A ordem de trabalhos pode ser conferida, clicando aqui.
Espero que quem dirige a Figueira, no decorrer da reunião, hoje seja mais cuidadoso na forma como se exprime, e não caia na tentação, porventura por pensar que é dono disto tudo, de mostrar com a crueza e clareza, que a reportagem feita pelo semanário A VOZ DA FIGUEIRA, na sua edição de 22 de Novembro p. p. mostra, a sua preferência por uma sociedade figueirense elitista, injusta e medíocre em que teimam em nos fazer permanecer...
Para um político, que é aquilo que um presidente de câmara é, tratar todos os cidadão por igual e mostrar sensibilidade é uma obrigação e ser solidário, com todos, um dever. 
Um presidente de câmara não pode ser alguém que se julga acima dessas formas de sentir e remete tudo para a competitividade salutar, como se a igualdade à partida não fosse uma falácia, quando não uma caricatura dramática! 

2 comentários:

Anónimo disse...

Só nesta terra é que os parques de campismo não servem para apoiar centros da prática de surf.
Perdoai-lhes Sr. que não sabem o que fazem.

Anónimo disse...

Ainda não perceberam que os coimbrinhas querem acabar com a figueira e fazer disto um lar de terceira idade. Quim pancada ja cá está para tomar conta deles...