terça-feira, 22 de maio de 2007

Hoje choveu

O mar numa tarde plúmbea e o areal deserto.
Maio já vai avançado, mas na praia, nem um corpo, nem um rosto, ninguém a mergulhar nas ondas. O areal é um deserto.
Apenas a areia molhada da água doce. Hoje choveu.
Fica-me a sensação, que uma gaivota, do ar, em voo planado sobre a minha cabeça, nota a tristeza.
A abertura da época balnear está para breve. Mas o mau tempo parece estar para ficar.
Pelo menos nos próximos dias.

2 comentários:

Manuel Torres Cunhal disse...

Em Portugal chove desde o 25 de abril de 1974 para uns. E nem uma gota para outros.

Vanessa disse...

Aqui já choveu. A semana passada a chuva caiu incansavelmente. Agora o sol brilha, mas ainda não "dá para aquecer a alma."
Beijinhos