.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

terça-feira, 14 de junho de 2016

Televisão: a maior maravilha da ciência ao serviço da imbecibilidade humana...

... e as pessoas gostam de imitar a televisão.
Hoje, por exemplo, é dia de "horas e horas de reportagens em directo e relambórios patrioteiros."
Caberia aos media, em especial aos pagos com o dinheiro de todos nós, colocar o futebol no seu lugar - um jogo, um hobby, um negócio, uma rede de interesses secretos que deve ser fiscalizada e não um projecto nacional, nem uma actividade estratégica para um Povo ou um País.
Caberia aos media, em especial aos pagos com o dinheiro de todos nós, ajudar a devolver, ao desporto o que é do desporto, à cultura o que é da cultura e, muito especialmente, à cidadania o que é cidadania.

Nota de rodapé.
Que pena que eu tenho de não ter sido futebolista.
O futebolista, é o único profissional que só  começa a trabalhar depois de reformado.

1 comentário:

A Arte de Furtar disse...

Que saudades que tenho dos antigos JORNALISTAS de A Bola!
Verdadeira escola de bem escrever.
Hoje todos debitam vulgaridades, lugares comuns, frases mal construídas, um futebolês intragável.
Não perco um minuto com esses pseudo debates.
A overdose futebolística é mesmo dose!!!
Só falta transmitirem o campeonato de futsal da Geórgia...
E como perguntava um amigo,em jeito de piada: Qual é o dia de estreia da Austrália no Euro 2016?