Sou o senhor de meu destino; Sou o capitão de minha alma.” William Ernest Henley

quarta-feira, 5 de janeiro de 2022

Que gostaria de ver concretizado no concelho em 2022? (3)

Via Diário as Beiras

"Quando escrevi neste espaço pela primeira vez há dois anos, formulei votos para o concelho. Agora que revi esse texto, constato o que previa: que pouco ou nada avançou, o que é triste. Continuamos com o comércio local depauperado e mais uma vez ameaçado pela proposta de implantação de uma nova média superfície, mesmo no coração da malha urbana. Quando acabará este karma?!

Continuamos a temer pelo futuro do HDFF, apesar das novas obras. Enquanto não for o Hospital dotado de uma unidade de cuidados continuados, a sua referenciação estará sempre em risco. E a gula dos privados do sector está aí para lavar e durar! Continuamos sem a prometida zona industrial do Pincho para onde almejo, como sempre apontei, a instalação de indústrias não poluentes que venham a respeitar os direitos dos trabalhadores, nomeadamente a nível salarial.
Quero que esta nova realidade aconteça em todo o tecido empresarial. Continuamos com populações abandonadas do ponto de vista da saúde porque os serviços se afastaram, deixando-as à sua sorte!
Quanto à água, continuamos com taxas e taxas que ultrapassam de longe o valor dos consumos, fazendo o munícipe pagar à fartazana! E os transportes?! Para quando uma rede de transportes públicos satisfatória? Não há transporte compatível com as necessidades e depois dizem que não há procura! A costumada marmota de rabo na boca!
Desejo a todos um Ano Novo a sério!"

Sem comentários: