.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

domingo, 26 de março de 2017

Cae, cai o Cae...

O Centro de Artes e Espectáculos (CAE) da Figueira da Foz, foi inaugurado em 2002. Estrutura cultural de grande dimensão (2 auditórios com 200 e 800 lugares – anfiteatro exterior, foyer, salas de apoio, estúdios, 4 salas de exposições), foi pensado numa perspectiva de  centralidade regional, com fundos comunitários e a sua programação tende a passar por grandes espectáculos de índole nacional e internacional, encontrando-se esta estrutura também ligada a outros centros de programação e eventos, numa lógica de âncora que se dispersa sem perder continuidade.
Na tarde de hoje passei mais de 2 horas nesta estrutura cultural, cuja manutenção e limpeza é da responsabilidade da câmara municipal da Figueira.
Vi de tudo. Coisas simples de evitar, como pó e plantas secas... Vi desleixo na manutenção do espaço e falta de limpeza. Sobretudo, chamou-me a atenção o estado de degradação geral. Para não falar no estado degradado dos sanitários...
Numa cidade e num ano, onde se estão a gastar milhões de euros em novos equipamentos e obras do regime,  não se consegue conservar e  manter com um de  limpeza e brio, o melhor equipamento regional no que à cultura diz respeito!
Penso que não é necessário acrescentar mais nada. Há fotos que falam por si.
 Para ver melhor as fotos clicar na imagem

Sem comentários: