.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

sexta-feira, 5 de maio de 2006

Tem de ser possível continuar a “Nascer na Figueira”



O encerramento do bloco de partos do Hospital Distrital da Figueira da Foz (HDFF), anunciado pelo governo para o final deste ano, é o motivo para uma marcha branca a realizar no domingo em que se assinala o Dia da Mãe.

A iniciativa é do movimento cívico “Nascer na Figueira”.

Às 10h30, terá início uma caminhada entre a Torre do Relógio e a Câmara Municipal da Figueira da Foz, devendo os participantes usar uma peça branca, como símbolo da maternidade.

Não será fácil demover o governo da sua intenção de encerrar o bloco de partos já no final deste ano.

Cabe aos figueirenses demonstrar o seu desagrado.

A marcha de 7 de Maio é uma grande oportunidade para o fazer.

Tem de ser possível continuar a “Nascer na Figueira”.

3 comentários:

Anónimo disse...

vamos nos unir todos...

Anónimo disse...

é já amanha...

Anónimo disse...

Os donos dos tipos do governo que se lixem... a Figueira já tem maternidade há mais de 50 anos... nascer é um direito... sempre foi e sempre há-de ser...