Ernest Hemingway: «Um homem pode ser destruído mas não vencido.»

segunda-feira, 21 de maio de 2018

A propósito da vida e dos sonhos...

É o sofrimento que determina a vida. 
Isto, a propósito de muito fado.


É o sofrimento que define a vida. 
Isto, a propósito da poesia.
Cito Ary dos Santos.
"É por dentro de um homem que se ouve 
o tom mais alto que tiver a vida 
a glória de cantar que tudo move 
a força de viver enraivecida." 

É o sofrimento que define a vida. 
Isto, a propósito da política. 
O lado sofrido, é o referencial que me tem ajudado a "fazer contas à vida"
Isto a propósito da vida.

Sonhos, são outra coisa.
Citando Halldór Laxness:
"O mais extraordinário acerca dos sonhos do homem é que todos se realizam; sempre assim foi, ainda que as pessoas não o queiram admitir. E uma peculiaridade do comportamento do homem é que ele não fica nada surpreendido quando os seus sonhos se realizam; é como se sempre estivesse à espera de tal coisa. A determinação e o destino são irmãos, e ambos repousam no mesmo coração."

Sem comentários: