.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

terça-feira, 31 de outubro de 2017

NUNO GONÇALVES, o vereador sem Curriculum Vitae?.. Corrijam lá a anomalia...

Fui ao site da Câmara, por mera curiosidade, para ver o passado de cada um dos vereadores...
E não é que tive uma enorme surpresa!..
Todos - vá lá, quase todos... - sabemos que pessoas perfeitas são encontradas em apenas dois lugares: no cemitério e no curriculum vitae.
Ninguém é tão feio como na realidade, tão feliz quanto no Facebook, tão simpático como no Twitter, tão ausente como no Skype, tão ocupado como no MSN e nem tão bom quanto no Curriculum Vitae.
E a surpersa foi essa: não consegui ver o Curriculum Vitae do vereador NUNO GONÇALVES!..
Confesso que estou curioso para saber a razão...


ACTUALIZAÇÃO ÀS 15,30.
Registe-se a eficácia, certamente graças à sagaz competência camarária.
Neste momento, o curriculum vitae de NUNO GONÇALVES já está disponível.
Bem hajam.

10 comentários:

Anónimo disse...

Porra pá pá afinal fazes uma moça do caraças não fosses tu e o curriculum ficava no tinteiro.
Afinal eles leem-te.

Anónimo disse...

- Diretor Executivo e Administrador da Quadromor – Electricidade e Instrumentação, S.A.;
- Gerente da Quadromor CV – Electricidade e Instrumentação, Lda.;
- Gerente da FPB Solutions – Soluções de Engenharia, Lda;
- Administrador da Quadromor Brasil – Electricidade e Instrumentação,LTDA;
- Gerente da Quadromor Guinea Conakry, SARL;
- Administrador da Quadromor Timor – Sistemas de Engenharia, S.A.;
- Gerente da empresa Quadromor Maroc, SARL;
- Administrador da Quadromor South Africa

É muito Quadro.....desde Timor até ao Brasil e a passar pela Guine Conakry...

Anónimo disse...

É muito quadro mas o quadro que me interessa é como vai desempenhar o seu cargo em prol da cidade o resto é só para emoldurar e pendurar na parede.

Anónimo disse...

e tinha tempo para tudo, parecido só o Sócrates!

Anónimo disse...

Já não chegava Coimbra colonizar a Figueira.

Agora até a rapaziada, vulgo boys de Montemor, também para aqui vêm...

Na Figueira não haveria gente capaz?

Anónimo disse...

E tudo quadro da insolvência de todas as empresas quadromor do sogro. Muito bom! Ah! E o Doutor José Fernando era o economista da galeria de quadros. Excelente!

Anónimo disse...

Confundir administrador do sogro com administrativo é maravilhoso. E depois de tanta empresa falir, ir para o desemprego da Figueira Domus como administrador não é para todos, mas para quem tem no CV (embora do conhecimento só de quem de direito e de direita) quadro da loja da maçonaria e braço direito do bispo. Aqui chegámos. Tens avental ou sabes rezar, então o teu futuro está sempre protegido pelos deuses e sobretudo pelo Imperador.

Anónimo disse...

Administrador ou administrativo do sogro? É confundir beira da estrada com estrada de beira. O Senhor começa mal com o CV e o Agostinho topou logo a marosca de no site não ter aparecido o CV do ilustre montemorense. Na segurañça social confirma bem: escritoŕario. Não tem mal ser administrativo, mas dizer aquilo que nao se é, não me parece bem. E vejam a licenciatura de três anos na UA. Hum, hum...cheira-me a relva.

Anónimo disse...

Porque é que este senhor Nuno Cid não está a trabalhar na CÂMARA DE MONTEMOR?

Anónimo disse...

Nem o Nuno Cid nem o José Fernando não trabalham na Câmara de Montemor pela simples razão do Presidente de Montemor ter topado bem cedo que eram lobos disfarçados de ovelhinhas e deu-lhes um pontapézinho no rabinho dos . meninos e assim vieram parar à Figueira que também é da Foz, tudo o que não presta desce o Mondego.