"Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha." - Confúcio

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

A vida resume-se a uma passagem...

Foto de Gilberto Vasco. Legenda: "Sensivelmente em frente ao mercado Eng.º Silva, na praia fluvial que aí existia. Meninos a trabalhar; levam o farnel aos mais velhos enquanto carregam a sacola da escola...os que podem ir à escola."

Esta  foto não é ficção: é a vida retratada. É a realidade de uma cidade pobre, presumo que dos anos 50/60 do século passado, sem esperança, onde mais de metade da população era analfabeta.
Possivelmente, alguns destes gaiatos, protagonistas nesta fotografia, são hoje homens que nunca foram meninos, porque cresceram numa sociedade onde, para a maioria, não havia lugar à infância e à juventude.
A riqueza e a pobreza tinham a ver, sobretudo, com as heranças e as castas familiares.
É por isso, ou pelo menos, sobretudo por isso, que eu, desde menino, nunca consegui ficar quieto e insensível perante as desigualdades sociais, perante a injustiça, perante a discriminação, perante a dor de um povo sofrido, um povo simples, que é o meu e ao qual pertenço.
A opção - a vida é sempre feita de opções - continua a ser, naturalmente, uma opção de classe, como de classe foram sempre - e continuam a ser - as minhas opções perante a realidade, que é a vida.

Sem comentários: