.

#FIQUE EM CASA. LAVE AS MÃOS. EVITE CONTACTOS. #FIQUE EM CASA. LAVE AS MÃOS. EVITE CONTACTOS. #FIQUE EM CASA. LAVE AS MÃOS. EVITE CONTACTOS. #FIQUE EM CASA. LAVE AS MÃOS. EVITE CONTACTOS. #FIQUE EM CASA. LAVE AS MÃOS. EVITE CONTACTOS. #FIQUE EM CASA. LAVE AS MÃOS. EVITE CONTACTOS. #FIQUE EM CASA.#FIQUE EM CASA.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Meu caro Rui: a esquerda deveria era questionar-se porque perdeu...

Confesso que esta crónica do Rui, de que sou leitor atento, me deixou algo desiludido e preocupado.
Gostava era de saber a opinião do Rui, sobre aquilo que foi realmente importante nestas presidenciais: a vitória de Marcelo.
Sobre isso, o que me deixa insatisfeito e preocupado, é a indiferença do PS, o contentamento  e o entusiasmo do Bloco e a desilusão do PCP
Aquilo que eu gostava era de ver as diversas forças políticas de esquerda a reflectir e a pensar no que fizeram de errado para que a direita tivesse ganho umas eleições presidenciais, quando ainda em outubro a maioria da população votou à esquerda. 
E pior - como se pode confirmar clicando aqui - quando estiveram a 71 mil votos de ir à 2ª volta
Repito algo que deixei ontem neste espaço.
No domingo passado foi isto o que aconteceu, mais uma vez: um falhanço em toda a linha das forças identificadas com o 25 de Abril de 1974.
Antes do passado domingo, eu já conseguia antecipar que "a eleição de Marcelo Rebelo de Sousa para Presidente da República constituía, na actual fase da vida política nacional, um factor negativo que não pode deixar de suscitar legítimas inquietações".
Se tivesse havido uma segunda volta, a única hipótese para vencer Marcelo não era o voto em Sampaio da Nóvoa?
Se tivesse havido uma segunda volta entre Marcelo e Maria de Belém os comunistas  e o BE votavam em quem?
Eu, que não sou filiado no PC nem no BE, não votava em ninguém.
As eleições não são um milagre...

4 comentários:

Zéfoz disse...

Pois, o Rui tem razão. E o Agostinho também. A estratégia do PS foi suicidária porque pontificaram a vaidade e a sede protagonismo de algumas das suas figuras gradas. E o resultado foi o que serviu. Quem tem chamado ao PS um "albergue espanhol", parece que tem razão. Quanto à vitória do agora partido emergente (porque de uma vitória se trata) o BE e a Marisa estão de parabéns. Mas também não dá para entender porque é que devendo ser a corrupção uma luta comum e nacional o Francisco Louçã e a própria Marisa tivessem atacado de maneira absurda o Prof. Paulo de Morais, quando este é hoje um adversário genuíno e corajoso contra os lobbies corruptos infiltrados na política que têm enriquecido à custa do povo e que têm destruído o País. Nós sabemos que tudo isto radica na luta dos partidos pelo poder, em princípio legítima, mas que o deixa de o ser quando os partidos se preocupam mais com os seus interesses do que com os verdadeiros interesses de Portugal e dos portugueses.

Anónimo disse...

O BE e a Marisa estão de parabéns porquê? Totalmente de acordo com o Sr. AA. Da Silva, realmente, podia explicar e dar pistas para as próximas, daqui a 5 anos. Deixe estar o Jerónimo em paz, se alguém enfiou a carapuça que a tire. Jerónimo pediu desculpa, eu pedia era o c....º!!!!

Red

Rui Monteiro disse...

Discussão interessante à esquerda.Mas nada me diz.
O meu centro da discussão é a apatia do PSD. Na noite das eleições, Passos Coelho disse o óbvio e Portas apareceu com um estilo de quem vinha de um "dia de caça".
O PSD roça a incompetência política. Não há oposição, não há pensamento político.
Ou o PSD está convencido que vai apanhar o "táxi" Marcelo?
A resposta será:trabalhem e pensem, meninos.
Tudo muito mau.

A Arte de Furtar disse...

Por favor acabem com esta conversa.
Jerónimo não foi feliz no comentário, o PC escolheu um candidato regional. Errou. Ponto.
Marisa não nasceu num berço do ouro e lutou pela vida. Tem garra! Ponto.
Mas, há um ponto comum: os portugueses!
Esperámos tanto por um entendimento à esquerda e agora "escorrega" por uma frase infeliz?
Tenham juízo!
O Dr Rui escreve bem e,por vezes,pensa melhor mas ainda tem que "virar frangos" na escola da vida. Só o jornal é que é a preto e branco.
Há muita gente no Bloco que lutou no antes 25 (eu conheço)e há muitos mais no PC (eu conheço)e só o respeito pela diferença fará a esquerda forte e respeitada.
Haja calma e respeito!