Ernest Hemingway: «Um homem pode ser destruído mas não vencido.»

domingo, 17 de dezembro de 2006

Limpo


Tanto os cidadãos como as autarquias devem contribuir para a limpeza das nossas ruas e avenidas.
Nesse sentido, sempre que alguém pense, com boa intenção, adoptar um animal, por exemplo um cão, deverá pensar duas vezes.
Será agradável andar com um miserável saquinho de plástico, atrás do cãozinho, e depois guardá-lo no bolso do casaco até encontrar um contentor?
Ora que bela passeata!
Então, se tiver vários cães, poderá ter a certeza que se sujeita a ter de andar com os bolsos a abarrotar de merda de cão!...
A alternativa é a que sabemos. As ruas e avenidas pejadas de merda de cão!..

2 comentários:

Anónimo disse...

O céu e a Figueira da Foz, estão cheios de boas intenções...a empresa que produziu e vendeu o mobiliário urbano (como agora se ousa dizer!)é que ficou a ganhar. Tendo ela mesmo ficado aliviada (!) da necessidade de proceder à sua manutenção...ou seja, não deixar que os saquinhos postos à disposição dos donos dos canitos faltem! Essa responsabilidade ficou a o encargo de quem? Da autarquia?
Assim, é vê-los, lá estão eles...sem utilidade absolutamente nenhuma porque se esquecem, constantemente, de os abastecer com os referidos saquinhos...Afinal seria fácil, mas parece que não é! E porquê será? Exactamente por isso que está a pensar...!

Anónimo disse...

e as pessoas não serão também culpadas?
em vez de levarem um saquinho já vi pessoas levarem uns 10 de cada vez.
assim não dá