.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

domingo, 28 de outubro de 2012

Seguro quer saber o quê?..


Confesso, que apesar da idade, continuo a ser ingenuo.
Cheguei a pensar que  o governo de Santana Lopes seria o pior que poderia acontecer aos portugueses…
Como me enganei...
Foi-se o Santana  e veio o Sócrates…
E agora,  isto…
Passos, Portas, Santos Pereira, Crato, Conceição, Gaspar, Macedo, Mota e  Relvas….
Relvas, o tal que  teve equivalências a disciplinas que nem existiam. 
Um visionário, este boy!.. Ou man?..
Do que se sabe,  é brilhante na gestão do aparelho, das secções, das distritais, das concelhias  e nessas áreas nublosas da sociedade portuguesa…
Relvas, o boy! Ou o man?..
No fundo, a excelência defendida por Nuno Crato é a realidade encarnada na pessoa do sr. Ministro Relvas, o licenciado.
O povo votou e penalizou Sócrates e o PS, elegendo esta gente.
Em Democracia é assim que deve ser.
Os castigos, porém, não são eternos… Nas próximas eleições já vamos constatar isso mesmo…
O PSD foi eleito dizendo, entre outras coisas que não cumpriu, duas: não vamos aumentar os impostos e não usaremos, em caso algum, a governação de Sócrates como desculpa.
Sabemos hoje o valor destas duas promessas eleitorais…
O  mesmo que a licenciatura de Relvas: uma merda.
Está como eu… E presumo que você, caríssimo leitor…
Aguardam-se explicações compreensíveis do Primeiro-Ministro...

Sem comentários: