"Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha." - Confúcio

domingo, 18 de abril de 2021

Governo recuou na intenção de reavaliar as barragens da EDP

Nenhuma entidade pública avaliou as concessões que o Estado autorizou a EDP a vender...

"Ministério do Ambiente apontou, em Janeiro de 2020, para a necessidade de reavaliar o equilíbrio económico e fnanceiro das três barragens do Douro Internacional cujas concessões foram prorrogadas sem concurso público em 2007. Mas a avaliação ficou por fazer. 

O Ministério do Ambiente abdicou de fazer as contas ao valor actual das concessões das três barragens do Douro internacional que foram prorrogadas sem concurso público e que estão incluídas no lote de seis vendidas pela EDP por 2200 milhões de euros. Desconhece-se qual será o impacto financeiro para o Estado dessa operação."

Via jornal Público

Sem comentários: