Ernest Hemingway: «Um homem pode ser destruído mas não vencido.»

domingo, 27 de setembro de 2020

Moinhos da Gândara: em 2018 a Câmara da Figueira da Foz compra núcleo molinológico para dinamizar...

Notícia do Diário as Beiras de 12 de Fevereiro de 2018:
«A Câmara da Figueira da Foz vai adquirir o moinho de água e demais equipamentos e terrenos do núcleo molinológico dos Moinhos da Gândara, por cerca de 70 mil euros. 
O gabinete da presidência da Câmara da Figueira da Foz adiantou que a autarquia vai dinamizar o espaço no âmbito do programa Ciência Viva, com a realização de atividades pedagógicas ligadas à temática dos moinhos e ao campo. Em declarações ao DIÁRIO AS BEIRAS, o presidente e fundador da Mó-Gândara, José Cabete, por sua vez, afirmou que a direção da associação concordou vender o núcleo molinológico porque chegou à conclusão que aquele “é um espaço extraordinário para uma quinta pedagógica e outras atividades relacionadas com a Gândara e o seu mundo rural”
Ontem, dia 26 de Setembro de 2020, via Luís Fidalgo, fiquei a saber que o núcleo molinológico dos Moinhos da Gândara, está assim: "infelizmente ao abandono ...Nem indicação na estrada para lá chegar . Pode ser que para o ano o Município resolva recuperar o moinho de água ...".




No mural no facebook do Luís Fidalgo, podem ser vistas mais fotografias.

Confesso, que estou a ficar curioso para ver como estará o Cabedelo em 2025, depois do extraordinário processo de revitalização porque estará a passar...

Sem comentários: