Ernest Hemingway: «Um homem pode ser destruído mas não vencido.»

sábado, 13 de julho de 2019

A importância de ser da Aldeia...

foto via Isabel Maria Coimbra
Sou da Aldeia. Tenho uma história, um nome cheio de memórias e de valores. E este orgulho de ser da Aldeia e ainda conseguir lembrar.
Dá para  perceber porque gostava tanto deste local. E, perante esta foto,  por um momento, só por um momento, fechei os olhos para reter em mim toda aquela beleza invulgar e saborear  a magia daquelas cores e consegui mesmo sentir o vento a acariciar-me o cabelo.
Bastava-me aquilo.
Agora, tornaram aquilo num sítio que é quase nada.
Gostava de poder acreditar que ainda é possível e que ainda há tempo...

Deixem-me ser "velho do Restelo".

Sem comentários: