Sou o senhor de meu destino; Sou o capitão de minha alma.” William Ernest Henley

domingo, 17 de outubro de 2021

A partir de hoje a comparação é inevitável

Hoje, a Figueira é uma cidade que respira política. Para o bem e para o mal. Embora à nossa dimensão, a pose, o estilo e a escala definem um ambiente político urbano - quase de capital. 
O novo Poder começa a fazer-se sentir. Em política, como em tudo na vida, "não há bem que sempre dure, nem mal que nunca se acabe..." 
Os figueirenses ficaram divididos entre os que preferem Lisboa e a província. 
Em 2021, Lisboa é turismo. Na música, é fado. 
A escolha não foi fácil, mas aconteceu. A música pimba ajudou. Lisboa venceu.
Espero que a Figueira não deixe de ser uma cidade agradável e convidativa.
 
A Figueira vai optar pelo fado, ou continua no pimba? 
Ainda não sei dizer nada sobre o futuro. Provavelmente, vou necessitar de uns meses - 6, 7, 8, 9? - para poder chegar a alguma conclusão válida. 
Para já uma constatação: Lisboa é muito mais leve e descontraída. 
O que eu não queria que este post fosse aconteceu mesmo: uma comparação...
Mas, isso é inevitável.

Sem comentários: