.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

terça-feira, 17 de novembro de 2015

Temos de ser complacentes?..

Cavaco, Portas e Passos têm sido uma troika coordenada e a única dúvida que se coloca está em perceber quem manda, se Cavaco em Passos ou Passos em Cavaco. O argumento da revisão está combinado e surgiu depois de Passos ter dito que não ficaria a assar, isto é, a ideia pode não ser dele, é bem mais provável que seja de Paulo Portas ou de Cavaco, senão mesmo dos dois.
Se os banqueiros lhe disserem que sim Cavaco vai manter o governo em gestão e alinhará com Passos e Portas dizendo à esquerda que pode resolver o problema da crise viabilizando eleições antecipadas aceitando uma revisão constitucional. Cavaco vai completar a nódoa que tem sido na democracia portuguesa e fazer chantagem sobe a democracia, é um nojo mas é o que temos.”
Isto tem nome: é “a estratégia da chantagem”.

Cavaco, não desesperes: quando te sentires deprimido ou inútil, lembra-te que já houve um dia em que foste o espermatozóide mais rápido de todo o grupo.

1 comentário:

A Arte de Furtar disse...

Cavaco e Madeira, são sinónimos.
Servem para queimar.
Tempo inclusivamente...