.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

quinta-feira, 21 de junho de 2012

A Cova de 1943, no tempo da II Grande Guerra

Esta foto,  tem  onze anos mais do que eu. 
Data de 1943,  o ano decisivo para a vitória dos aliados.
Para o regime de Salazar, o ano de 1943  foi já uma altura de mudança, uma vez que, a ameaça de invasão da Península Ibérica por parte das forças alemãs,  já dificilmente se realizaria.
Mas, esta foto fala da minha Terra e de uma realidade que eu já não conheci, mas de que sempre ouvi falar na  minha casa: o racionamento e a fome.
Recordo, as “estórias” da II Guerra Mundial contadas pela minha avó Maia. Recordo,  de ela me falar das  senhas de racionamento para os bens de primeira necessidade (açucar, arroz, massa, azeite, etc). Cada família, em função das pessoas que constituiam o agregado familiar, recebia, mensalmente, senhas com que podia fazer compras nas lojas tradicionais.
Nessa altura, até  os lavradores tiveram dificuldades alimentares, pois só podiam ficar com uma parte do milho que produziam. O excedente era armazenado em silos do Estado, para suprir as necessidades de consumo.
Mas, a “estória” desta foto, está contada pelo João Pita, no seu Cova d´oiro.
Vão até lá ler, clicando aqui.

Sem comentários: