"Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha." - Confúcio

segunda-feira, 14 de abril de 2008

Ficção ou realidade?

Face à problemática situação financeira da Câmara Municipal da Figueira da Foz, só a muito custo teremos, neste e no próximo ano, alguma inauguração vistosa por esta margem sul do Mondego, tirando, é claro, a da atrasada e “enguiçada” nova Ponte dos Arcos, aliás, uma realização do poder central.
Assim, perante a pasmaceira concelhia, devido à impossibilidade de investimento camarário – até porque está na hora de se inaugurar alguma coisa em São Pedro - o OUTRA MARGEM propõe, à falta de melhor, que se inaugure a ventania que todos os dias varre a zona costeira da nossa freguesia.


(Imaginemos a reportagem necessariamente resumida do acto e que neste largo existe a tal tenda para a cerimónia)

Numa cerimónia cheia de papéis e folhas a voar, foi completamente enternecedor ver Duarte Silva, enquanto segurava desesperadamente o palhinhas com a mão esquerda, agradecer ao vento o investimento: “gostava de aproveitar esta ocasião para agradecer ao vento. A ventania que hoje se faz aqui sentir, é a prova que faltava de que São Pedro está a mudar. Estamos no bom caminho. O vento podia ter escolhido outra terra qualquer, ou podia até ter ficado pelo oceano. Mas não… o vento escolheu São Pedro e isso é bom para os covagalenses”
Enquanto Duarte Silva discursava, o presidente da junta, agarrado a uma das estacas que segurava a tenda, ia acenando para a assistência: "vento deste não existe em mais lado nenhum!..."

(A terminar a inauguração, ficou no ar a possibilidade de São Pedro se vir a tornar num importante centro de aproveitamento da energia eólica ...)


Sem comentários: