quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Rotunda da Serra da Boa Viagem: em 2009 - 4 PINHEIROS. Em 2011 - 3 PINHEIROS. Resultado: em 2016, 2 pinheiros que eram 4!..

A Câmara Municípal da Figueira da Foz decidiu, um dia destes, destruir um pinheiro manso. 
Porquê? 
Segundo o ambientalista João Vaz, ainda não se sabe. 
Mas, sabia-se que aquele pinheiro estava ali, sem incomodar ninguém, há mais de 40 anos... 
Sabe-se, também, que há falta de transparência na gestão das árvores da cidade - corta-se a torto e a direito sem que sejam apresentadas razões técnicas evidentes. 

Ora, dado que o pinheiro manso está na ordem do dia na Figueira, venho contar-vos uma história verídica. 
Para abreviar, recuemos a 2009.
A imagem mostra que na Rotunda da Serra da Boa Viagem, como homenagem àquele ex-libris figueirense, estavam lá plantados 4 pinheiros mansos
Esse, foi espólio o arbóreo herdado, naquele local, em 2009, pelo presidente Ataíde
Em 2011, porém, como a foto abaixo mostra, já só lá estavam 3!..
E em 2016, hoje, também como a foto mostra, já só lá estão estão 2!.. 
Recordemos aqui as palavras de Carlos Monteiro, ontem publicadas no jornal AS BEIRAS, na notícia do impedimento do corte de um pinheiro manso pelos moradores de uma praceta que conflui com a rua Dr. Luís Carriço. 
Passo a citar.
"A Associação Recreativa da Malta do Viso, com instalações naquela zona, fez, através de nota de imprensa, denúncia pública da ocorrência, considerando-a “um crime ambiental” e reivindica que a Câmara da Figueira da Foz “encontre formas para minimizar este crime”
Devido ao protesto da vizinhança, o pinheiro não foi totalmente cortado. 
“Houve uma informação dos serviços da câmara que, atendendo a um ramo que já tinha caído e que fragilizou outro ramo, a árvore colocava em risco pessoas e bens, e decidiu-se cortá-la, tendo em vista o aviso amarelo anunciado para o fim de semana”, justificou o vereador Carlos Monteiro. 
O titular do pelouro do ambiente acrescentou que “a política da autarquia não é a de cortar árvores, mas sim plantá-las”
E deu os exemplos do parque municipal de campismo, junto à rotunda Baden Powell, e no Saltadouro, onde foram plantadas várias dezenas de árvores. 

Perante estas palavras do vereador Carlos Monteiro, a Figueira tem mais um mistério dos mistérios: o desaparecimento dos pinheiros mansos da Rotunda da Serra da Boa Viagem!...

3 comentários:

Anónimo disse...

Dos pinheiro que desapareceu em 2009 não sei, mas o que foi cortado recentemente estava completamente seco, sendo inevitável o seu corte.

Deverá ser acautelada é a plantação de novos pinheiros para substituir os que tiverem de ser cortados.

Anónimo disse...

Plantar pinheiros para quê. Junto à praia do Forte foram plantados, não os trataram, morreram. Esta cidade é um desleixo que mete dó.

V.Borges

Joao Marques disse...

O 4 pinheiro se nao estou em erro foi arrancado pela raiz aquando o grande vendaval, tal como um que ainda perdura pq o estacaram e cortaram uma das ramadas. O 3 pinheiro estava seco.