quarta-feira, 20 de junho de 2012

Texto da Moção de Censura do PCP foi entregue hoje na Assembleia da República

Para ler, clicar aqui.

socratices e coelhices...

Notícia de hoje no jornal Público:
"As obras de modernização da escola secundária Passos Manuel, em Lisboa, geridas pela empresa pública Parque Escolar, custaram mais 46,5% do que estava inicialmente previsto, devido sobretudo a uma série de “trabalhos a mais” entregues à Mota-Engil, a empresa responsável pela obra, conclui uma auditoria do Tribunal de Contas divulgada esta quarta-feira."
Mais do mesmo, dirão os leitores deste blogue!..
E a culpa é de quem, pergunta o blogueiro?..
Querem a resposta?..
Lá vai, mas não fiquem chateados...
"É dos imbecis, que somos, que aceitam desde há 35 anos tudo isto com normalidade democrática [o democrático associado a normalidade compõe e fica bonito] e de boca calada."

A foto é bué de gira!.. Mas, a legenda, ah a legenda, é bué de inspirada.....

Paulo Portas não se vê na imagem porque está
 escondido debaixo da alcatifa da tribuna do Governo.
No entanto adivinha-se que seja ele que está a fazer
 cócegas nos pezinhos dos retratados.
Já agora, se permitem, uma sugestão: aproveitem para ler a posta "Até no gamanço são desiguais".

Cavaco, o código de trabalho e a "troika"...

Segundo a comunicação social, na análise realizada pela Casa Civil da Presidência, "não foram identificados indícios claros de inconstitucionalidade”.
Li, mas fiquei com uma dúvida...
E na análise realizada pela casa Civil da Presidência, foram identificados indícios claros de inconstitucionalidade?.. 
É que o FMI, já está ai a propalar que esta lei, acabada de aprovar (porventura por ser demasiado de esquerda!..), é um entrave à mobilidade e exige que a mesma seja modificada!..
Isto, mal Cavaco tinha acabado de promulgar as alterações ao código do trabalho e  exortado a que a "partir de agora (segunda-feira passada) ficasse assegurada a estabilidade legislativa com vista à recuperação do investimento, à criação de emprego e ao relançamento sustentado da economia."

X&Q1112


Que lata, meu!...

"Esta revisão do Código do Trabalho é má, nomeadamente por pôr em causa o valor dos salários e do trabalho extraordinário, e não resolve os problemas da economia e das empresas, mas está encerrada, por isso não pode ser a 'troika' ou o Governo a introduzir-lhe novas alterações", 
disse o secretário-geral da UGT, João Proença, em conferência de imprensa!..
Ó bacano, ó Proença, pá, francamente, vê lá o que andas a fumar ou a beber: então, assinaste o acordo e agora dizes que o que assinaste é mau?..