.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

sábado, 16 de junho de 2018

POBRES DOS POBRES

"Os pobres são gente muito útil, motivam grandes ações de caridade nas saídas dos supers, alimentam muitos provedores de santas iniciativas, enchem os comícios, animam os jantares de lombo assado. Os políticos disputam a sua liderança e não faltam os que se sentem os seus legítimos representantes. Há toda uma indústria social e política especializada a cuidar dos pobres com mais cuidado do que se fossem linces da Serra da Malcata.

Mas ontem saíu um relatório da OCDE sobre a pobreza, mas da esquerda à direita, dos sindicatos às organizações de boas almas, não se ouviu um único comentário, a mais pequena manifestação de preocupação. O tema do dia até era a educação e esta está no centro da pobreza, mas mesmo assim ninguém comentou.

Sejamos honestos, os partidos políticos são organizações de ricos e de menos ricos porque quem é pobre tem de trabalhar todas as horas disponíveis para compensar os seus “chorudos” salários mínimos. Os pobres são bandeira e valem tanto para a classe política como as setas da bandeira do PSD. Deles desde a Catarina Martins à Cristas apenas querem os seus votos.

É com alguma raiva e com vergonha que constato esta realidade e faço este comentário. Esperemos que nas próximas eleições deixem os pobres descansados."

Daqui

Sem comentários: