Sou o senhor de meu destino; Sou o capitão de minha alma.” William Ernest Henley

quarta-feira, 18 de julho de 2007

Porque gosto da minha Terra...

A mancha verde do meu pinhal.

2 comentários:

Anónimo disse...

Ai tens um pinhal? Aquele pinhal é teu?
Então vende-o ao Alberto gaspar para fazerem mobílias. Daquelas que empenam todas.
Só faltava esta, agora é madeireiro.

Anónimo disse...

Enfim!.....