.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

sexta-feira, 14 de junho de 2019

O secretário de estado do ambiente e a erosão costeira a sul do quinto milhe...

"A secretária de Estado do Território e da Conservação da Natureza revelou esta quarta-feira que a linha de costa portuguesa perdeu 100 hectares nos últimos nove anos, uma conclusão do Programa de Monitorização da Faixa Costeira de Portugal (COSMO).".
Um dos exemplos mencionados pela governante foi as praias a sul da Cova-Gala, na Figueira da Foz, no distrito de Coimbra, onde “se mediu um recuo na ordem dos 50 metros entre 2010 e Fevereiro de 2019”.

Mas, recordemos... 
Recuemos a 24 de Novembro de 2014.

João Ataíde, actual secretário de estado ambiente, na altura presidente da câmara da Figueira,conforme se pode ler, manifestou, na reunião do executivo, a sua preocupação em relação ao relatório efectuado pelo grupo de trabalho (composto por peritos em erosão costeira), que analisou a situação da costa portuguesa depois das intempéries do início desse ano de 2014, que causaram prejuízos elevados em várias regiões, nomeadamente no concelho da Figueira, especialmente a sul desta nossa barra, «por poder colocar em causa a viabilidade do porto comercial».

Registe-se a preocupação do presidente Ataíde de 24 de Novembro de 2014. Vocês vão ver, escrevi eu na altura, que um dia, a preocupação ainda vão ser as pessoas...

Espero que seja isso que está acontecer. 
Amanhã, sábado, dia 15, o ministro do Ambiente e da Transição Energética e a ministra do Mar, visitam o 5.º esporão na Praia da Cova Gala, freguesia de S. Pedro.

Tal como o velho e experiente Manuel Luís Pata, pergunto-me... 
"Quantos falam do mar, sem o conhecer?"


Sem comentários: