FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA.

FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA. FIQUE EM CASA.

domingo, 26 de agosto de 2012

Mais uma taxa?.. Figueira, para já, afastou a ideia...

A criação de uma taxa turística municipal não gera, em tempo de crise, iaentusiasmo idêntico entre as câmaras portuguesas.
Vários municípios mais vocacionados para o sector ponderem a sua adopção e alguns defendam uma discussão nacional.
Para já,  o presidente da Câmara da Figueira da Foz afastou a criação de um imposto turístico municipal, alegando que a cidade possui “poucos serviços” ao nível da hotelaria e restauração.
“Um imposto desses poderia ser discutido, mas teria poucoretorno porque há poucos hotéis e restaurantes”, afirmou João Ataíde, frisando, no entanto, o esforço da autarquia na manutenção dos espaços verdes e das praias.

Sem comentários: