quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Razão tem Pedro Passos Coelho...

... o único a acreditar na credibilidade da licenciatura de Miguel Relvas!
Deixem-se de tretas, tá bem?..
Relvas  ainda  estuda!..
Em tempo.
Entretanto, Alberto da Ponte, o homem das cervejas e da Schweppes - que disse um dia Passos Coelho é o melhor primeiro-ministro desde Sá Carneiro – é a escolha certa para assegurar o serviço público e a pluralidade de informação na RTP até que Relvas estude devidamente o modelo.

Como perceber isto?..

“Portugal caiu quatro lugares na lista dos países mais competitivos em termos económicos, passando de 45.º em 2011 para 49.º este ano, segundo o relatório global do World Economic Forum, que vai ser divulgado hoje”!..
Como perceber isto?..
Baixámos os salários, aumentámos os impostos, aumentámos o desemprego, tornámos o despedimento livre... Tudo isso não eram medidas para fazer dispara a nossa competitividade?
Sinceramente não percebo…
Esta gente que está lá por Lisboa a dizer que governa, ou  é incompetente ou é perigosamente mentirosa…

O Paulinho das feiras...

Estávamos em 1993. O fundador e director do semanário “Independente” não tinha dúvidas: “O Estado não necessita de canais de televisão”, já que o serviço público “não precisa do canal 1 da RTP e, no limite, não precisa do canal 2”. A posição de Portas era clara: o “monopólio público de televisão só dá consolo a políticos menores”, razão pela qual “faz falta outro verbo forte na comunicação social. Chama-se liberalizar”.
A posição que hoje é assumida por Paulo Portas, ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, é outra. O governante já admitiu não se rever na intenção de concessionar o serviço público de televisão, entrando em contradição com os seus escritos dos anos 90 que, ironicamente, se intitulavam “Antes pelo contrário”.

Jornal I

Em tempo.

Paulo Portas,  é menino para,  um dia destes,  participar numa manifestação da UGT, contra as medidas de austeridade e as políticas do governo...
Mais: Paulo Portas, é menino para,  um dia destes,  participar numa manifestação da CGTP, contra as medidas de austeridade e as políticas do governo...
Mais ainda: Paulo Portas, é menino para isso e para muito mais!..

X&Q1135


Hoje, acordei a pensar numa frase de Charlie Chaplin

"A vida é maravilhosa, quando não se tem medo".

Prata e bronze para Portugal nos Jogos Paralímpicos Londres 2012


O par português de boccia 3 (BC3), formado por Luís Silva, José Macedo e Armando Costa (suplente), conquistou. ontem, terça-feira a medalha de prata nos Jogos Paralímpicos Londres2012, ao ser derrotado na final pela Grécia, por 4-1.
Há quatro anos, em Pequim, o par BC3 português, composto por Armando Costa, Eunice Raimundo e Mário Peixoto, havia conquistado a medalha de bronze.
O atleta português Lenine Cunha conquistou a medalha de bronze na prova do salto em comprimento F20 (deficiência intelectual) dos Jogos Paralímpicos Londres 2012. Conseguiu um salto de 6,95 metros.