.

"Como todos sabem, há diversas modalidades de Estado. Os estados socialistas, os estados capitalistas e o estado a que chegámos" na Figueira.

sábado, 14 de dezembro de 2013

Pedro: Mesmo assim, também gostei que tivesses ido fotografar ao Quartel do Sr. Presidente Lídio Lopes!..

Imagem de Pedro Agostinho Cruz,
Ontem, houve Assembleia Geral dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz, uma Instituição que tem uma longa história que remonta a 1882 – ano da fundação -, de que se pode justamente orgulhar pelos elevados serviços que, nestes mais de 120 de existência, tem prestado ao concelho da Figueira da Foz e à sua população.
Orgulho-me de pertencer a uma família que há muitas dezenas de anos tem elementos sócios desta prestigiada agremiação figueirense. O meu avô paterno foi sócio. O meu pai foi sócio. Eu sou sócio desde 1976.
Na qualidade de sócio, ontem, fui à Assembleia Geral que decorreu na sede e onde foi reeleito Lídio Lopes – e muito bem,  a meu ver – como presidente da Direcção.
Lídio Lopes, ao longo dos últimos 15 anos – desde 8.1.1998 – tem realizado um trabalho a todos os títulos digno dos maiores e mais entusiásticos elogios de quem acompanha a vida dos Bombeiros Voluntários  da Figueira da Foz.
A sua obra fala por si. Ponto final.
Voltando a ontem à noite.
Foi distribuída pelos presentes, uma bem elaborada brochura que espelha os últimos 25 anos da vida  dos Voluntários figueirenses.
Contudo, no melhor pano pode cair a nódoa. E, isso aconteceu lamentavelmente. A foto acima foi tirada pelo Pedro Agostinho Cruz, meu sobrinho, no passado dia 30 de Novembro. Mas, tal não foi referenciado na brochura.
Lamento que na brochura tenha havido este lapso, completamente desnecessário...
Agora não consigo perceber o seguinte: as fotos dos meus colegas estão todas identificadas com os devidos créditos, e bem. Exceto uma,  a minha! Porquê Sr. Presidente?!

1 comentário:

Anónimo disse...

puto quem é bom é bom mesmo com as adversidades