.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Adeus Ponte dos Arcos

( Para aumentar clicar em cima da imagem)
A “velha ponte dos arcos”, por vontade dos homens que decidem estas coisas, acabou.
Todavia, ninguém pode desmentir o óbvio: era uma obra de arte, bela e harmoniosa, perfeitamente integrada na paisagem.

2 comentários:

Anónimo disse...

A nova ponte também vai ter arcos.
Só de efeito decorativo e uma homenagem à velha ponte.
É uma nota sentimental que não fica mal na engenharia, aproximando dessa forma os frios e calculistas engenheiros, os verdadeiros, aos arquitectos, não se aproximando, todavia, dos decoradores.
A dividir as faixas de rodagem, haverá arcos a lembrar a velha ponte que agora se está finando.Acaba uma, começa outra.
Rei morto, rei posto.

Anónimo disse...

olha sempre e melhor construirem do que continuar naquela ponte cheia de buracos a antiga. Se e por nao construirem reclama se e por construirem tambem reclamam. Mal por mal la temos o nova ponte viva o futurismo