.

“O que impede de saber não são nem o tempo nem a inteligência, mas somente a falta de curiosidade.”
- Agostinho da Silva

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Mais do que diferente...

foto  sacada daqui
Foi em Outubro de 2009,  que João Ataíde das Neves reconquistou a câmara da Figueira da Foz para   um  PS minoritário e dividido.
Passados mais de dois anos, a sua imagem de marca, pelo menos aquela que passa para fora, é que  pretende exercer o poder por “consensos". Isto é, traduzindo e descodificando a linguagem política, por cedências.
Recorde-se que o PS conquistou quatro eleitos, mas a oposição elegeu cinco. O PSD, que tinha o poder desde 1998, tem  três vereadores e o movimento de cidadãos "Figueira 100 por cento", encabeçado por Daniel Santos, antigo vice-presidente “laranja”,  tem dois membros no executivo.
A situação encontrada por João Ataíde e a sua equipa de vereadores executivos na Câmara da Figueira, todos o sabemos, era  realmente grave a todos os níveis: económica, financeira, social e de  valores.
Neste momento, mais ou menos a meio do mandato, as coisas melhoraram para o cidadão comum que  vive no concelho da Figueira da Foz?
Teria sido possível, nestes dois últimos anos, a  outro qualquer  presidente de câmara,  ter  feito  melhor pela Figueira?
É que diferente,  não foi suficiente... Teria que ter sido  muito melhor!..
Mas, teria sido isso possível?
Mais: algum dia isso será possível nesta Figueira que  mais parece  um tapete rolante em cima de  um grande buraco financeiro?..

Sem comentários: