Ernest Hemingway: «Um homem pode ser destruído mas não vencido.»

terça-feira, 14 de abril de 2009

Na pastelaria (continuação)

Cliente:
- Não o tinham avisado que ia ser um ano difícil?..
Empregado:
- Parece que toda a gente sabia, mas ninguém conseguiu fazer nada …
Cliente:
- A crise é geral!..
Empregado:
- Pois é, bate-nos à porta e ficamos como o governo: sem saber o que fazer para dar a volta à situação…
Cliente:
- Oh homem, não seja assim, não atire a toalha ao chão.
Empregado:
- Foi o que eu fiz, você acha que eu deixei que a crise me tirasse a alegria de viver?... Você acha, que eu gasto tempo em lamúrias?.. Continuei a sorrir, mesmo quando o que me apetece é gritar!...
Cliente:
- Isso… Tenha confiança, o nosso governo está atento…
Empregado:
- Aos mesmos de sempre…

Sem comentários: