terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Sem contrapartidas do Sporting!.. Ok?.


Lá por   "o Benfica ter anunciado esta madrugada a contratação do jogador Yannick Djaló", espero que   "não nos venham  obrigar a aceitar o César Peixoto"!..

Jobs for girls!

Andamos mesmo a precisar de motivação…
“A ministra do Ambiente, Assunção Cristas, nomeou a irmã de Paula Teixeira da Cruz nova subdirectora-geral do Ordenamento do Território e Desenvolvimento Urbano.”


Via Correio da Manhã

Algo vai mudar na política figueirense?.. Não!.. Para quê?..

Olho para 2 estes políticos e, pelo que deles conheço, que não é muito, penso que, eventualmente, até  poderia ser amigo pessoal de ambos.
Porém, politicamente falando, não admiro nenhum.
E também não sei qual deles será o mais inteligente.
Sei, no entanto, que são dois políticos que nunca seriam minha opção para presidentes da Câmara da minha cidade.
Um, no entanto, já está a fazer a festa, a lançar os foguetes e a apanhar as canas!..
O outro já se finou, porque a meu ver se enterrou a ele próprio e, se não me enganar muito,  ainda há-de vir a fazer o seu próprio elogio fúnebre…
Mas, nada disto tem já interesse.
Na Figueira, a política há muito que acabou!
Duvidam?.. Atentem no que se passa no Bloco, no PC, no PS, no PSD e no CDS...

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

"Puto": obrigado!..

Se o Pedro conhecesse o porteiro, não tenho dúvidas de que,
 espero que daqui por mais alguns anos, entraria no Céu!..
Obrigado, "puto", mas exageraste na dose...
"Obrigado tio pelo "desgastante" vício que me incutiste -  o jornalismo. 
Tive a sorte, assim como  o privilegio de ser aluno de alguns  dos melhores  professores da área. 
À parte isso o Mestre és tu."
Bom!..Já era tempo de alguém tentar limpar a minha imagem...


Foto de Pedro Cruz.
Para ver melhor clicar em cima da imagem.

"Redes chinesas levam todo o cobre roubado"!...

EDP tem visto aumentar
 o número de furtos em 
postos de transformação e em subestações. 
Via Correio da Manhã

Uma ajudinha pró Marcelo...

Ontem, Marcelo Rebelo de Sousa, filiado no PSD, professor universitário, conselheiro de Estado, comentarista politico, entre muitas outras coisas que já foi, é e ainda vai ser, no seu habitual espaço na TVI, apelou a que esses ditos cavaquistas se calem a bem do país.
 “O que eu peço a esses cavaquistas, que eu não sei quem são, anónimos, é que desamparem a loja, o tempo deles passou, calem-se, desapareçam, reformem-se, brinquem com o que quiserem, mas não com o país”, defendeu o antigo líder do PSD.
Modéstia à parte, para que Marcelo não tenha de continuar a mandar recados via TVI, vou dar-lhe uma ajudinha sobre quem são os "Cavaquistas Anónimos"...

domingo, 29 de janeiro de 2012

Para que fique clara a exigência que colocam quando apresentam uma promessa...

Depois  deste,  (à direita na foto), mais um político  (à esquerda na foto) bem intencionado: "António José Seguro, anunciou que o site do seu partido vai registar todas as promessas que for fazendo enquanto líder da oposição..."
Em tempo... 
Estou farto, estou mais que farto, estou completamente saturado de gente, porventura bem intencionada, que se tenta intrometer, sem êxito, entre nós e uma das poucas verdades conhecidas pelos portugueses: o sofrimento.
Deixem-nos sofrer como deve ser o sofrimento. Silencioso, solitário, sem atalhos nem conselhos nem truques. Deixem-nos sofrer como Homens. Ou como Mulheres.
Como Portugueses!..

Bom domingo

sábado, 28 de janeiro de 2012

Este "Olímpico", o barbeiro do Pedro, além de um grande Amigo, é um espectáculo...



Via blogue PEDRO José Agostinho da CRUZ

Desde que o Sporting se sagrou campeão nacional que não sentia tal orgulho em ser sportinguista!..


“Liedson na agenda do FC Porto”… 


  “O Benfica está a tentar a contratação de Yannick Djaló para as próximas quatro épocas e meia e as negociações podem vir a ter um desfecho positivo já nos próximos dias”…


Manuel Carvalho da Silva

Tudo tem um fim?..

Perante isto, que fazer?..
Lançar um último olhar?..
Dizer: "mas!.."
Ter pena?..
Sorrir, mesmo que seja no fim?..

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Há gralhas do c...... !..

Via  Delito de Opinião

Na Figueira, os políticos continuam a procurar o sentido da sua existência como quem busca “ainda príncipes valentes e princesas perfeitas”…

foto Pedro Cruz,
jornal AS BEIRAS
Estejam mas é atentos à vida!..
Olhem, por exemplo, de frente para esta realidade, que de forma despretenciosa e verdadeira, José Castilho, um artista plástico, mas durante os 20 últimos anos também gestor da Discoteca Bergantim, retrata em entrevista ao jornal AS BEIRAS: “não há vida noturna durante a semana na cidade sem universitários”.
Todos nós passamos pela vida, um dia após outro, com a nossa tralha pessoal: os livros que lemos, os filmes que vimos, as canções que escutámos, as histórias que conhecemos, a força e a sabedoria que acumulámos... Mas não só: em cada dia que abrimos a porta de casa e saímos para a vida, fazêmo-lo também com as nossas feridas, as nossas cicatrizes, os nossos desgostos, os nossos fins, as nossa derrotas, os nossos enganos, os nossos arrependimentos…
Já desisti de pensar, que com o passar dos anos e das nossas experiências pessoais, nos transformamos em melhores seres humanos…
O passar dos anos, pelo que conheço e pelo que aprendi nestas quase 6 décadas de existência, apenas refinam o nosso talento enquanto actores...
Em tempo...
Para que não subsista  nenhuma dúvida: não estou a referir-me a nenhum político figueirense em particular...

Regista-se, mas o “pesadelo financeiro” não acaba aqui…


Via Expresso.
"A autarquia da Figueira da Foz aprovou ontem, com sete votos a favor de PS e PSD e a ausência do movimento Figueira 100 por Cento, uma proposta de liquidação e dissolução da empresa municipal de renovação urbana.
A proposta, que prevê a partilha dos bens da Paranova entre os sócios maioritários (empresa municipal de habitação Figueira Dómus e o grupo Visabeira) e aquisição, por parte deste último, da quota de um terceiro sócio (empresa Figueira Center), foi votada após três horas de reunião extraordinária do executivo.
O presidente da autarquia, João Ataíde, justificou a apresentação da proposta com o agravamento da situação financeira da Paranova."

"Amor dos 70"

Pedro, parabéns por esta bela foto.
Mais uma vez, tiveste "olho"!
Das poucas coisas que aprendemos com os anos,  é que temos tempo para o amor... 
E, sobretudo, para a ternura!..

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

O exemplo da Figueira







O que é verdade. Só  as três empresas municipais, nas áreas de turismo, habitação e reabilitação urbana, tinham um passivo de cerca de 30 milhões de euros.
Mas, isso, como muitos figueirenses, ele também sabia.
É  público e notório para o cidadão comum, que as câmaras municipais – e a Figueira é disso um exemplo concreto – não se endividaram por por causa da actual crise.
É  público e notório para o cidadão comum, que as câmaras estão endividadas - e a Figueira é disso um exemplo concreto – por gastarem,  durante anos, muito acima das possibilidades da sua realidade, por terem feito  obras, comprado  imóveis e criado empresas municipais, cujo interesse para o desenvolvimento planeado e harmonioso do concelho é difícil de descortinar.
É  público e notório para o cidadão comum , que as câmaras estão endividadas - e a Figueira é disso um exemplo concreto –  por se terem transformado em  gestoras de “tachos” e mordomias  a  gente afecta aos partidos  que foram passando pelo poder  e em organizadoras de eventos  para promoção pessoal e entretenimento do “bom povo”.
É  público e notório para o cidadão comum, que as câmaras estão excessivamente endividadas - e a Figueira é disso um exemplo concreto –  apesar de se cobrarem  impostos à mais alta taxa prevista na lei...
É  público e notório para o cidadão comum , que as câmaras estão excessivamente endividadas - e a Figueira é disso um exemplo concreto – porque durante anos e anos foram mal geridas.
Ponto. 

Já a nós portugueses calharam-nos milionários de merda...





"Bill Gates acha que não paga impostos suficientes"

Via jornal Público

Há uma grandeza deliciosa nisto....

Nos tempos que correm, não é fácil encontrar episódios de desportivismo entre clubes rivais. E para aqueles que costumam dizer que o exemplo vem de cima, nesta história temos de pôr os olhos nos escalões de formação do remo da Associação Naval 1º de Maio e do Ginásio Clube Figueirense.
Maria Calouro (na foto ao centro), navalista, e Carolina Alves, ginasista, protagonizaram um episódio que faz corar aqueles que promovem rivalidades exacerbadas, pois a ética, o respeito e o fair-play são valores certamente mais importantes; e se esse exemplo vem de duas atletas de 13 anos, ainda mais deve ser sublinhado.
Tudo começou numa prova do Torneio de Escolas, quando a embarcação de Carolina Alves embateu acidentalmente na de Maria Calouro, impedindo a remadora do Ginásio de prosseguir. No final, a navalista concluiu a prova no terceiro lugar, o que lhe deu direito a receber uma medalha; contudo após receber a medalha, Maria Calouro dirigiu-se a Carolina Alves e entregou-lhe essa mesma medalha, como forma de compensar o facto de a embarcação não ter continuado em prova.
Mas a história não ficou por aqui, já que no início da etapa seguinte do Torneio de Escolas, ainda antes da entrega de prémios desta competição, Carolina Alves retribuiu o gesto e devolveu a medalha à sua ganhadora original, num gesto que se aplaude.
Ficou assim vincada uma história de desportivismo entre duas atletas de apenas 13 anos que certamente ficará marcada na sua vida desportiva.

Sacado daqui

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Empresa municipal Figueira Paranova foi extinta

"O executivo de João Ataíde decidiu proceder à extinção da empresa municipal Figueira Paranova. De acordo com a nota de imprensa assinada pelo presidente da câmara, enviada ontem, a decisão foi tomada numa reunião realizada na passada segunda-feira, na qual participaram os vereadores da maioria relativa socialista e o conselho de administração da empresa."

Via AS BEIRAS

Coragem, dizem eles

Se há palavra hoje abastardada é a palavra "coragem". De um eleito que faz o contrário do que prometeu dizem os apaniguados que é "corajoso", apesar de um dos sinónimos mais nobres de "coragem" ser "constância"; o mesmo ou outro eleito conformam servilmente e obedientemente as suas politicas a ditames externos, e isso é "coragem" e não cobardia; medidas de austeridade impostas aos mais pobres e vulneráveis são "corajosas"; o destempero de uma velha política, agora dita "senadora", contra o direito à saúde dos mais idosos é um "acto de coragem"; um presidente titubeante que assina, sem pestanejar, o que lhe põem à frente e tolera a subversão de valores e direitos que jurou defender é, também ele, "corajoso".

"Coragem" chegou ao português vindo do francês"courage" que, por sua vez, deriva de "coeur", "coração", em cujas cavernas habitam, na generalidade das culturas, não só a inteligência e a sabedoria como a própria divindade, além de "disposições interiores" como a constância, o ânimo ou a rectidão, em oposição ao que é traição, pusilanimidade e fraqueza e pequenez de carácter .

Assim, "corajosos" são hoje os que, humilhados e ofendidos, sobrevivem sem ceder à tentação da servidão; os que não traem por um prato de lentilhas ou uma assessoria; e todos aqueles (jornalistas, magistrados, funcionários, cidadãos em geral) que, em tempos de debandada moral, teimam, apesar de tudo, em manter-se inteiros.


Via Jornal de Notícias

Tomem e embrulhem: pobretes, alegretes e caladetes... E ainda a procissão vai no adro!...

Imagem sacada ao blogue osítiodosdesenhos 
Ontem, li no Público, que "uma crónica crítica em relação a Angola, do jornalista Pedro Rosa Mendes, terá levado a RDP a acabar com o espaço de opinião "Este Tempo", da Antena 1.  ."
Vinte e quatro horas depois, continuo sem perceber qual é, exactamente, a novidade.

Nota:
Para ouvir a crónica de Pedro Rosa Mendes,  que eles, pelos vistos, não gostaram, basta clicar aqui.

Estará a pensar nos portugueses?...

"Não pediremos mais tempo nem mais dinheiro"...  - Pedro Passos Coelho

Valha-nos o humor...

"Os portugueses estão interessados em saber o que é que o ministro Miguel Relvas gosta de ver na televisão, ouvir na rádio e ler nos jornais, para saber o que é que eles vão ver, ouvir e ler nos próximos tempos. Esta dúvida surge na sequência do cancelamento de um programa da Antena 1 só porque alegadamente não agradou ao governante. Interessa agora saber, portanto, quais são as suas preferências, para se perceber o que é que vai ser transmitido. Isto é uma boa notícia para os portugueses que já têm televisão digital terrestre, porque assim vão poder ver o que Relvas gosta de ver, mas com qualidade digital."
Via Imprensa Falsa.
A crónica em questão pode ser ouvida abaixo.

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Para terminar um dia em que não me apeteceu abordar coisas sérias....

Rui Patrício foi a figura do jogo.
Absolutamente decisiva a dupla intervenção ao minuto 73. Primeiro negou o golo a Wilson Eduardo, que rematou em posição privilegiada, após cruzamento de Agra, e depois teve de mostrar reflexos para responder à recarga de Yontcha. Só este momento já justificava o estatuto de homem do jogo, mas o guarda-redes leonino teve outros momentos de destaque, a evitar que o Sporting saísse de Olhão ainda mais cabisbaixo.
Resumindo: o Sporting "acaba de passar as passas do Algarve!."

E ainda não é desta que vou abordar coisas sérias...



"Luís Amado a caminho do Banif"...

Já que hoje continuo sem pachorra para abordar coisas sérias...



Começamos hoje à noite a segunda volta do campeonato em Olhão. 
Espero que os nossos rapazes já tenham comido todas as papas que tinham de comer. 
Agora, é para homens.

Já que hoje não estou com pachorra para abordar coisas sérias...

(Gabriela Ventura, dirigente do Ministério da Agricultura,
gestora do PRODER, numa sessão pública de esclarecimento!..)
 
Via Facebook, dei conta da excitação e consequente celeuma que esta foto provocou. 
Mas, será que alguém reparou no pormenor dos sapatinhos?..
Em tempo: para ver ainda melhor, clicar em cima da imagem.

Sobre a verdade e a mentira…

Ao olhar para esta primeira página do i, veio à minha memória uma discusssão que tive um dia destes com um Amigo sobre a verdade e a mentira.
Quem me conhece bem, sabe que abomino a mentira. Porventura, o defeito será meu… A verdade, normalmente é uma segunda escolha. Mas, eu, confesso, tenho muitas limitações: uma delas é que não tenho qualquer jeito para mentir.
Abreviando, que  a “estória” está a alongar-se.
 “Tu és contra a mentira porque já não és casado. Eu não me posso dar a esse luxo”, disse-me o meu Amigo a rematar a conversar…
Perguntarão os eventuais leitores: mas o que é que isto tem a ver com esta primeira página do i de hoje?..
Sei lá!.. Cada um fica no que lhe parece!..
 A verdade é que hoje não estou com pachorra para abordar coisas sérias.

Eu já desconfiava...

Marcelo Rebelo de Sousa, sobre Cavaco, ontem na TVI  - minuto 32 do vídeo.
 “Há dias em que uma pessoa não é feliz”!..
Eu já desconfiava...
Estamos num País onde até o presidente é um infeliz!..

Derby: Costa de Lavos 2 / Regalheiras 0

domingo, 22 de janeiro de 2012

Pelos caminhos de Portugal...

Cavaco ontem em Guimarães.

Sinais exteriores...

Para ler, clicar em cima da imagem

Sacado daqui

Continuo a esquecer o silêncio... (série certamente a ter continuação I)

Cavaco Silva


"O Presidente da República é o provedor das incertezas, das angústias mas também das ambições do nosso povo. O PR é, de facto, o provedor do povo."


"E os patrões Álvaro?"

Os problemas monetários de Cavaco, iam-nos fazendo esquecer que estamos entregues a ministros como Álvaro Santos Pereira… Em discurso directo, algumas realidades, por Miguel Sousa Tavares, no Expresso desta semana.

 «O seu pacto, Álvaro, assenta em duas verdades que você conhece por ouvir dizer: que os trabalhadores portugueses são todos descartáveis e que as nossas empresas só serão competitivas se puderem pagar-lhes o mínimo, explorá-los o máximo e despedi-los à vontade. (…) Você que tanto quis castigar os maus trabalhadores, não lhe ocorreu um parágrafo sobre os empresários desonestos e irresponsáveis. (…) Tenho pena de si, Álvaro. Acha que os empresários lhe vão agradecer? Desiluda-se: os bons não precisam do seu pacto nem acreditam nele e os maus vão exigir o que falta: um fisco como na Holanda, horários de trabalho como na China, obras públicas como sempre. Em troca, e se você não fugir de volta para o Canadá depois desta aventura pátria, terão um lugar à sua espera – lá, onde sempre se fazem grandes negócios a coberto das incertezas do risco e da competição e ao abrigo de todos os governos. Mas, entretanto, Álvaro, você iniciou uma guerra civil e há duas coisas que eu não sei: se a vai ganhar e se merece ganhá-la.» 

Não menosprezemos o Álvaro. Pode, porventura, parecer  um pouco bronco e tonto, mas é perigoso!..
E Vítor Gaspar ainda mais…

Sintetizando..

Para ler melhor,  clicar em cima da imagem


Isto, é só mais um passo descarado destas novas elites sem vergonha rumo à depravação total.

Bom domingo

sábado, 21 de janeiro de 2012

Oh pá...

Eu quero lá saber do Cavaco Silva.!

Porquê toda esta polémica?..

NO FUNDO,  UM CAVACO  "SEM DINHEIRO PARA AS DESPESAS",   NÃO PASSA DE UM  "CAVACO TESO"...

Cavaco, desta vez  "tens de te virar sozinho”!..


CALEMBUR

Portugal, diz-se, é um país muito educado. 
As pessoas cumprimentam muito, mas decidem pouco. 
Talvez esteja na hora de mudar.
Isto é: passarem a decidir  muito e a cumprimentarem pouco. 
Trocarem o  "bem haja" pelo "bem aja".

Obviamente, Cavaco está falido!...

"A fome é uma realidade para muitas famílias e já nem as câmaras nem as instituições de solidariedade social têm meios suficientes para ajudar quem caiu, de um momento para o outro, na miséria. Muitos cidadãos sem trabalho, qualificados ou sem formação, optam pela emigração para África, o Brasil, a Europa ou mesmo para o golfo Pérsico. Os salários de quem ainda trabalha estão a ser cortados, os horários aumentam e muitas famílias, mesmo com empregos, têm dificuldades em honrar os seus compromissos mensais. Pois bem. É por isso que as pessoas se revoltam legitimamente quando ouvem falar em salários de 45 mil euros por mês na EDP. É por isso que as pessoas não compreendem que os sacrifícios nunca atinjam a sério os mais privilegiados. E é por isso também que não se pode aceitar que o Presidente da República diga aos portugueses que não consegue viver com 10 mil euros por mês. As afirmações de Cavaco Silva são um insulto a milhões de portugueses. As queixas do chefe do Estado são indignas do cargo que ocupa e devem merecer o repúdio de quem tem um pingo de vergonha na cara e conhece a forma como muitas famílias estão a lutar pela sobrevivência com pensões miseráveis e salários do terceiro mundo. O Presidente da República tem repetido vezes sem fim que há limites para os sacrifícios. Mas também é verdade que há limites para a indecência. E neste mês de Janeiro de 2012, um dos piores anos na história do Portugal democrático, importa lembrar a Cavaco Silva que as suas palavras deixaram de ter qualquer significado e que as suas funções, para as quais foi legitimamente eleito por sufrágio directo e universal dos cidadãos, estão gravemente prejudicadas, mesmo feridas de morte, a partir de hoje."

António Ribeiro Ferreira, Director do jornal i

Tenham dó...



...pode ajudar o nosso Presidente a pagar as suas despesas, clicando aqui.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Cambola, um barco de pesca artesanal, encalhou na Figueira da Foz


Assim vai o PSD na Figueira da Foz…

A excitação em torno das próximas autárquicas na nossa cidade tem, para já, no que ao PSD diz respeito,  como pano de fundo, um filme sobre boxe em que o antigo campeão, inevitavelmente caído em desgraça, conta vir regressar, daqui a alguns anos, ao activo…
Assim vai o PSD no nosso concelho… Espero, até porque tenho consideração por ele, que o antigo campeão laranja ainda venha a ter, no futuro, uma última noite de glória, antes de se retirar, para sempre, em paz com a sua consciência. 

 Entrevista ao jornal AS BEIRAS, para ler e ouvir, aqui.

O momento é de domínio da direita. Legítimo, mas devastador para a esmagadora maioria dos cidadãos…


Lido no Público de hoje: "UE tem 79 milhões de pobres mas desperdiça anualmente metade dos alimentos".
Longe de mim considerar-me  pessimista, por achar que existem coisas coisas que duram para sempre.
Neste momento da minha existência, considero-me é, cada vez mais, um realista que não  gosta de  injustiças...
Por isso mesmo, é que  tenho o máximo respeito pelas cicatrizes.
Que cada vez são mais...

Notícias…

Passos Coelho, primeiro-ministro, abriu esta manhã o debate quinzenal com elogios aos parceiros sociais e distinguiu a intervenção “discreta mas importante” de Cavaco. E apelou ainda aos portugueses para resistirem às “más notícias”.
Já agora, só para tentar perceber o que não correu bem até agora: por onde andam as “boas”?..

Não me peçam para rir perante a autofagia da inteligência...

O Sonho Azul

Parque de Merendas, o ex-libris da freguesia de São Pedro, fotografado ontem à tarde


quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

O desepero

Há muitos anos que sei que existe “bichinho” no sindicalismo português. Só quem nunca ouviu falar João Proença poderá negar tal evidência. Talvez até não seja uma pessoa complicada.
Terá é, porventura, um cérebro que seria uma espécie de disneylândia para psiquiatras...
Primeiro acusou a CGTP de nunca querer assinar Acordos (o que é mentira – vejam com atenção este debate de Arménio Carlos com Mário Crespo)!...
Agora, veio com o argumento que a CGTP pediu à UGT que assinasse aquilo que ela  se recusou a assinar!..
Ou a UGT é muito estúpida e faz apenas aquilo que os outros querem, ou então está a querer chamar-me estúpido a mim...
Está-se mesmo a ver que foi a CGTP que obrigou a UGT a fazer a Greve Geral em finais de 2011!..
Torres Couto já disse tudo: “a UGT suicidou-se!..”
E tudo isto, sabe-se agora,  para contrariar António José Seguro!..

Um dia, saberemos o que aconteceu a este ministro... Certamente que vai subir na vida!

«Durante séculos, a majestosa cidade de Braga especializou-se na produção de um produto: padres.
Basta percorrer as monumentais ruas da cidade para perceber a importância que a religião e a Igreja Católica têm para a região. São edifícios e mais edifícios (muitos deles de grande dimensão) dedicados à produção e formação de sacerdotes. Hoje em dia, a indústria de produção de sacerdotes bracarenses está em declínio”. (…) Porquê? (…) A grande causa do declínio da Igreja Católica em Portugal é simplesmente a falta de competitividade. A indústria de produção de padres perdeu competitividade, pois os custos de produção de novos sacerdotes são demasiado altos e o preço do sacerdócio é extremamente elevado.»

Álvaro Santos Pereira, O Medo do Insucesso Nacional

 Citado por António Cândido de Oliveira, professor da Universidade do Minho, em artigo publicado hoje no Público (sem link). Vale a pena continuar a ler:

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

João Proença, esse grandessíssimo humorista...

Com a sua assinatura temos um acordo que facilita os despedimentos, corta o pagamento das horas extra para metade e reduz as indemnizações para quem é despedido.
Isto, porque a UGT é  uma organização sindical que existe para defender os trabalhadores!...

Adenda:
Proença: de humorista para humorista.
Proponho-te que aceites que a sigla UGT, passe a querer dizer: UNIÃO GERAL DE TRAIDORES.
Isto é só brincadeira, claro...
Mas, como dizia o outro, foi a brincar, a brincar, que o macaco fodeu a mãe!..

Finalmente, alguém que deve ter estudado economia a sério...

"Stiglitz defende o contrário do que quer a Europa: menos austeridade, mais investimento".
Depois de quase todos os grandes cérebros europeus e portugueses terem decretado o fim dos investimentos e a aplicação de medidas de austeridade e corte na despesa, eis uma opinião contrária: é preciso investir.
Joseph Stiglitz, Nobel da Economia em 2001, deixa um sério aviso à espiral recessiva que diz deixar a Europa à beira do caos.
Desde já declaro,  que neste tipo de previsões económicas, só  acredito no Futre...
Até prova em contrário, ele foi único a antecipar uma estratégia de sucesso, com as suas resmas de paletes de chineses...

Direito à vida?.. Ok. Mas, sempre para os mesmos!... (XXX)

“Portugal tem que ser um dos países mais baratos”, defendeu  Daniel Bessa.
Esta gente que usufrui de um belíssimo salário e/ou dispõe de avultados rendimentos e que, baseando-se em meros cálculos economicistas, que, aliás, qualquer um de nós saberia fazer se o objetivo for o exclusivo desafogo financeiro dos empresários, vem dizer que o melhor é os trabalhadores ganharem o menos possível, revolve-me as tripas, confesso.
A “mão-de-obra barata” é constituída por pessoas, com necessidades, com expectativas, com famílias ou com ambição a constituírem uma, pessoas potencialmente com capacidades. Pessoas que, com tiradas como esta, só podem é decidir fugir daqui e sem demora. Daniel Bessa, que, por vezes, parece ter lucidez suficiente para desejar que a Europa reveja a austeridade, pretende agora, como muita gente insensível, reduzir o país a pessoas analfabetas (ah, pois, a educação e a formação custam dinheiro), desqualificadas e mal pagas que “alimentem” (também literalmente) e perpetuem o nosso incompetente tecido empresarial.
Esta é a via para o subdesenvolvimento, caro senhor. Só que não para o seu nem o dos seus filhos, claro.

Via Aspirina B

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

UGT


Faz parte da  nossa história democrática: sempre que o Governo e os empresários precisam de uma meretriz, a UGT, uma criação de Mário Soares, recorde-se,  tem o seu preço.
Desta vez,  assinou um dos maiores ataques aos direitos do trabalho.
Fica uma música dedicado a João Proença (sugestão de José Manuel Pureza no Facebook)

X&Q1096


Pois...

Celeste Cardona: “Eu deixei a política ativa há cerca de 8 anos. Porque será que se continua a achar que, estando fora da política ativa, estou na política. Deve haver um fenómeno qualquer, que eu desconheço e não compreendo, para se continuar a laborar neste erro".
É verdade. Aliás, Eduardo Catroga, Armando Vara, Jorge Coelho, Mira Amaral, Fernando Gomes, Freitas do Amaral, Marques Mendes, Dias Loureiro, Oliveira e Costa, António Mexia, Sócrates, Pina Moura, António Guterres, Mário Soares, Carlos Beja, João Paredes e em breve Lídio Lopes e tantos, tantos outros, todos estão fora da politica activa!..
 Uns há 8 anos, outros há mais, outros há menos e outros em breve!...

O Álvaro (II)




Álvaro Santos Pereira sobre o acordo que a CGTP não assinou: "acordo vai bem mais além do que estava estipulado pela troika".
Tivesse ele capacidade para reflectir e tivesse um pouco de orgulho em ser português e jamais confessaria tamanha sujeição publicamente…
Quando nem esperteza tem para estar calado, alguém se admira com o que a sua inteligência acaba por produzir...

Nem todos os jovens licenciados precisam de emigrar ...

É bom constatar que nem tudo é negativo neste país.
Afinal nem todos os jovens pertencem à "geração à rasca".


Lista de 29 assessores/adjuntos de Ministérios, todos de idade inferior a 30 anos, havendo 14 "especialistas" com idades entre os 24 e os 25 anos

MINISTÉRIO DA DEFESA NACIONAL (2) Cargo: Assessora Nome: Ana Miguel Marques Neves dos Santos Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € Cargo: Adjunto Nome: João Miguel Saraiva Annes Idade:28 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.183,63 € 
MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS (1) Cargo: Adjunto Nome: Filipe Fernandes Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 2.633,82 € 
MINISTÉRIO DAS FINANÇAS (4) Cargo: Adjunto Nome: Carlos Correia de Oliveira Vaz de Almeida Idade: 26 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € Cargo: Assessor Nome: Bruno Miguel Ribeiro Escada Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 2.854 € Cargo: Assessor Nome: Filipe Gil França Abreu Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 2.854 € Cargo: Adjunto Nome: Nelson Rodrigo Rocha Gomes Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € 
MINISTÉRIO DA ADMINISTRAÇÃO INTERNA (2) Cargo: Assessor Nome: Jorge Afonso Moutinho Garcez Nogueira Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € Cargo: Assessor Nome: André Manuel Santos Rodrigues Barbosa Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 2.364,50 € 
MINISTRO ADJUNTO E DOS ASSUNTOS PARLAMENTARES (5) Cargo: Especialista Nome: Diogo Rolo Mendonça Noivo Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € Cargo: Adjunto Nome: Ademar Vala Marques Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € Cargo: Especialista Nome: Tatiana Filipa Abreu Lopes Canas da Silva Canas Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € Cargo: Especialista Nome: Rita Ferreira Roquete Teles Branco Chaves Idade: 27 anos Vencimento Mensal Bruto: 3069,33 € Cargo: Especialista Nome: André Tiago Pardal da Silva Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € 
MINISTÉRIO DA ECONOMIA (8) Cargo: Adjunta Nome: Cláudia de Moura Alves Saavedra Pinto Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,34 € Cargo: Especialista/Assessor Nome: Tiago Lebres Moutinho Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,34 € Cargo: Especialista/Assessor Nome: João Miguel Cristóvão Baptista Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,34 € Cargo: Especialista/Assessor Nome: Tiago José de Oliveira Bolhão Páscoa Idade: 27 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,34 € Cargo: Especialista/Assessor Nome: André Filipe Abreu Regateiro Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,34 € Cargo: Especialista/Assessor Nome: Ana da Conceição Gracias Duarte Idade: 25 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,34 € Cargo: Especialista/Assessor Nome: David Emanuel de Carvalho Figueiredo Martins Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,34 € Cargo: Especialista/Assessor Nome: João Miguel Folgado Verol Marques Idade: 24 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,34 € 
MINISTÉRIO DA AGRICULTURA (3) Cargo: Especialista/Assessor Nome: Joana Maria Enes da Silva Malheiro Novo Idade: 25 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € Cargo: Especialista/Assessor Nome: Antero Silva Idade: 27 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € Cargo: Especialista Nome: Tiago de Melo Sousa Martins Cartaxo Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,33 € 
MINISTÉRIO DA SAÚDE (1) Cargo: Adjunto Nome: Tiago Menezes Moutinho Macieirinha Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 3.069,37 € 
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DA CIÊNCIA (2) Cargo: Assessoria Técnica Nome: Ana Isabel Barreira de Figueiredo Idade: 29 anos Vencimento Mensal Bruto: 2.198,80 € Cargo: Assessor Nome: Ricardo Morgado Idade: 24 Vencimento Mensal Bruto: 2.505,46 € 
SECRETÁRIO DE ESTADO DA CULTURA (1) Cargo: Colaboradora/Especialista Nome: Filipa Martins Idade: 28 anos Vencimento Mensal Bruto: 1.950,00 €


Sacado daqui

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

A internacionalização dos pastéis de nata




“Eu espero que os pastéis de nata possam ter uma grande internacionalização. Eu adoro pastéis de nata” -  Passos Coelho, primeiro-ministro de Portugal. 

 “Não sou especialista, sou um consumidor que aprecia muito os pastéis de nata. E julgo que é melhor não glosar mais este tema para não parecermos aqui uns gulosos pela doçaria portuguesa, que também é boa” - Passos Coelho, primeiro-ministro de Portugal.

Outra Margem foi privatizado


Este é um grande primeiro passo para a blogosfera portuguesa, concelhia e aldeã!..
A China é um mercado enorme, assim como outros países asiáticos. Na Ásia, em especial no sueste asiático, há uma grande procura de notícias de Portugal, da Figueira e da Aldeia da Cova-Gala em particular. Esta, é também uma excelente notícia para a imagem da comunidade chinesa. Como sabemos, a imagem dos chineses em Portugal, está tradicionalmente ligada aos comerciantes das lojas dos trezentos e dos restaurantes…
A entrada da China no negócio dos blogues portugueses pode até vir a melhorar a nossa mentalidade…
Resta dizer, que graças ao poder negocial dos  fundadores do OUTRA MARGEM, quem vai continuar a mandar no agora denominado, em versão chinesa,  OUTLA MALGEM, é o capital de origem portuguesa.

O Álvaro

Álvaro Santos Pereira e a proposta do Governo sobre o aumento da meia hora diária de trabalho, segundo o jornal i: "o Governo continua muitíssimo empenhado em chegar a um acordo" em sede de concertação social. "É importantíssimo não adiar mais as medidas laborais da 'troika'."
Ao que chegámos!...Desgraçada e despudorada sujeição dum ministro do governo de Portugal!..
Tivesse ele capacidade para reflectir e tivesse um pouco de orgulho em ser português e jamais confessaria tamanha sujeição publicamente…
Quando nem esperteza tem para estar calado, alguém se admira com o que a sua inteligência acaba por produzir...

TDT






Tirar Dinheiro a Todos

Sportinguista sofre…






Ainda não é este ano que faço a festa, lanço os foguetes e apanho as canas… Mas a vida continua, pois ser Sportinguista é saber viver a dureza da realidade.
Há muito que abandonei o embrulho da ficção de que a vida é um longo dia de sol!

domingo, 15 de janeiro de 2012

As relações partidárias, do ponto de vista do Catroga!..

“Eu nem sou do PSD”...


Eu não sou teu desde pequenino.
Porém, sempre gostei de vestir a tua camisola.
Foi uma grande honra ter andado por  aqui e só admiti sair por uma proposta muito boa duma empresa grande, uma das grandes de Portugal.
O que foi bom para todas as partes, claro!

Para tentar ser épica é preciso saber falar: a partir dos 70 , ou se é realmente boa no assunto ou o melhor é ficar calada…

“A dr.ª Manuela Ferreira Leite, eivada daquela caridade cristã que define o seu doce coração, disse, na SIC Notícias, num curioso programa dirigido por Ana Lourenço, que os doentes com mais de 70 anos, devem pagar hemodiálise. Infere-se, por oposição, o seguinte: quem não tiver dinheiro, que morra!, sobretudo a partir dos 70. Nessa altura, já cá não fazem falta nenhuma. Um pouco assustado, António Barreto confessou ter aquela idade fatal. E, mesmo sem o dizer, o dr. Balsemão tem mais de 70. Os celtas resolviam a questão com a presteza de quem não tem tempo a perder: atiravam os velhos dos penhascos. Aqui, corta-se nos vencimentos dos reformados, aumentam-se as taxas moderadoras e até os enterros estão mais caros, devido aos impostos. A dr.ª Manuela tem dito coisas que bradam aos céus. Aquela declaração foi uma delas. Já antes, a fim de se pôr uma certa ordem no caos português sugerira a interrupção, por modestos seis meses, da democracia. A senhora esteve à beira de se tornar presidente do PSD e, por decorrência, acaso as bússolas da fortuna andassem avariadas, primeira-ministra. Que susto!, embora este, em que vivemos, não seja menor.”

 Nota sacada daqui