domingo, 4 de janeiro de 2009

Pimenta no cú dos outros....

"O que vou escrever vai por os cabelos em pé a muita gente. Mas nestes dias de crise mais vale ter emprego, mesmo que mau, desprotegido, sem direitos, precário, do que não ter emprego nenhum. E é por isso que o reforço dos direitos laborais, o aumento das contribuições sociais, a dificuldade de contratar a recibo verde, a penalização do trabalho “negro”, têm um enorme preço em deixar mais gente na miséria."

José Pacheco Pereira, SOCIAL-DEMOCRATA, no ABRUPTO

Pensar na vidinha...


O “chico-esperto”, já anda por cá desde o século passado, pelo menos.
Contudo, nestes primeiros anos do século XXI, foi em frente e trepou.
O “chico-esperto”, apenas conhece direitos, vive e prospera na sombra, na impunidade, na desresponsabilização, na ultrapassagem pela direita ou pela esquerda e no desrespeito pelos outros.
O “chico-espertismo”, é fácil reconhecer, fez escola, e é mais popular, actualmente, do que há vinte e cinco anos atrás, por exemplo.
Hoje, o "chico-espertismo", qual praga, mais do que comum, é dominante.
Aqui, como em todo o lado, as pessoas invejam e têm tendência para copiar o “chico-espertismo”.
E pensam: “que pena não conseguirmos ser todos assim, “chicos-espertos”!..”
Mas, com tanta abundância, haveria, pelo menos, um factor de risco: a concorrência.
Pois é, lá teria o “chico-esperto” de pensar novamente na vidinha...

Gaza




Via a barbearia do senhor luís, cheguei aqui.

Para que não digam que não somos pluralistas, podem obter mais informações sobre a Faixa de Gaza com a consulta desta página da CIA.

X&Q548


Os botes da minha Terra

sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Só mesmo um cândido como eu...


Estas duas últimas semanas têm sido alucinantes!...
Só amanhã vai ser possível parar para pensar a sério...
Hoje, contudo, tive 5 minutos de pausa e fiquei admirado comigo mesmo.
Sou mesmo um rapaz cândido: levei "porrada" durante todo o ano que findou há 2 dias (fora as ameaças não concretizadas...) e estou para aqui com um sorriso imbecil estampado cheio de esperança no que lá vem!..
Mas, oh diabo: este discurso de que acabei de ter conhecimento, por um lado, a pedir-me que não desanime perante a crise, que continue a acreditar e, por outro lado, a alertar-me para não acreditar, mas, sobretudo, que não me deixe enganar, pois “há oito anos que Portugal se afasta do ritmo médio de crescimento da Europa, gastamos o que não produzimos e a dívida externa do país é uma catástrofe”, fez-me ver que esta é a realidade.
Sobretudo, pôs-me de sobreaviso, não vá algum governo, cheio de truques, querer-me fazer acreditar o contrário.
Já andava desconfiado, pois no último dia do ano já o doutor Soares “temia um país «ingovernável» em 2009”...
Será que a ofensiva estratégica de Sócrates contra Cavaco vai resultar em pleno?..
Para já, "Sócrates provou ser mais hábil e astuto"...

X&Q543

* AQUI

Os botes da minha Terra

Primeira manhã de 2009 em São Pedro

quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

Na Figueira, ano novo, vida velha?..


Santana Lopes, qual D. Sebastião, será sempre bem recebido na Figueira. Todavia, não vem para a Figueira nos próximos 4 anos. Tem outros compromissos a nível político.
Lisboa, a capital, tem outro encanto, outra motivação, outro mediatismo, outra exposição. Outro interesse.
Há muito tempo que era fácil adivinhar a opção de Santana por Lisboa.
No entanto, dentro do PSD local, a não vinda de Santana para a Figueira baralhou a vida interna do partido que governa o concelho há quase 12 anos!..

O PS Figueira, perante os nada edificantes acontecimentos dos últimos meses no seio do PSD local, vê uma janela de oportunidade para recuperar a Câmara. Mas, as coisas permanecem enigmáticas. O que se sabe, é que o partido liderado localmente por António João Paredes, está a preparar as eleições de 2009. Como poderia ser, aliás, de outra maneira? “E já tem candidato há muito tempo”, disse um dia destes a um jornal distrital. Quem?.. “Vários!..”, disse ainda António João Paredes.

Momento importante, que se espera aconteça ainda este mês, que irá pôr à prova a coesão do PSD local, será a votação da proposta de revisão do PU. As coisas, em Dezembro último, estiveram crispadas, ao ponto de Duarte Silva, segundo o "Campeão das Províncias", ter ponderado demitir-se, numa altura em que estamos a menos de um ano do termo do actual mandato, caso se verifique um “chumbo” na revisão do PU.
Vão agitadas, portanto, as hostes partidárias no PSD Figueira, só porque Lídio Lopes, o líder da concelhia, admitiu a liberdade de voto dos autarcas social democratas quando a Câmara e a Assembleia Municipal votarem a proposta de revisão do PU!...

Estamos no início de 2009.
Ano novo, temos. Vida velha, por enquanto, também…
Mas, a procissão ainda nem saíu do adro...
Até ao final deste 2009, que acabou de nascer, muita água vai passar sob as Pontes da Figueira da Foz.

Os botes da minha Terra

VIVA 2009

Este é o último post que estou a escrever ainda neste ano da graça socratiana de 2008.
Tenho todos os caracteres no teclado à minha frente e à minha inteira disposição para deixar a última nota deste e neste ano. Está difícil. A data em si não proporciona qualquer inspiração, antes atrapalha a fluência do teclado e dos sentimentos.
Detesto balanços, do melhor e do pior, do menos bom e do menos mau. Balanços, faço-os periodicamente ao longo dos anos. Alguns deles, partilho-os. Outros ficam só para mim.

Agora, proponho que se esqueça a porcaria que foi o ano que acabou de terminar!..
Já estamos em 2009...
Para o português a festa vai continuar... E não se preocupem: se a cabeça não tiver juízo o corpo é que paga.