terça-feira, 21 de maio de 2013

“Cheguem-se à frente”... Isso é proposta decente que se faça a alguém?..

Um dia, já lá vão muitos anos,  descobri  que em política, ser perfeito não é não cometer erros: ser perfeito é não existir politicamente.
Deverá ser  por isso, que muita boa gente que o António Jorge Pedrosa, pelos vistos, conhece, “nem as eleições para administrar o condomínio do prédio ganharia”…
Se assim for, concordo com ele…

Parabéns Bruno! Parabéns Jardim!.. Agora, cumpram o meu sonho de Sporting...


Quando ganhou as eleições, há uns meses atrás,  Bruno de Carvalho disse que concretizava um sonho de criança...
A primeira vez que foi a Alvalade desejou, em frente à família, ser um dia o presidente do Sporting.
Afinal,  o sonho comanda a vida.
Agora, só falta pôr Sporting a jogar bem e a ganhar jogos na próxima época…
De preferência, limpinho, limpinho, limpinho…
Esse, sim, seria o  meu Sporting de sonho…

Conselho de Estado

Certamente que não foi  a Nossa Senhora de Fátima que redigiu o comunicado...

Isto, é enternecedor. A direita portuguesa é enternecedora. Portas é enternecedor…


"Quis fazer aqui uma visita porque, como é sabido em todo o mundo, seja qual for a perspetiva doutrinária, o Presidente Chávez teve muita relevância na política da América Latina e como eu disse no dia da sua morte, foi amigo de Portugal. Este é um gesto que tem esse significado", disse Paulo Portas a jornalistas.
Isto, é enternecedor.
Aliás, a direita portuguesa,  sempre foi muito enternecedora.
Portas, como sempre, mostra-se emocionado e enternecido...
Tudo isto, a meu ver, é um pouco estranho...

Fica o registo, para memória futura

foto daqui

Cá pela Figueira,  as eleições autárquicas lá vão mexendo.
Ainda  cambaleantes, mas já  vão mexendo...
Por enquanto, não comigo.
Havia um anúncio que afirmava que a Vaqueiro, a margarina, tornava tudo mais apetitoso.
Por aquilo que tenho vindo a perceber,  Miguel  Almeida, o vereador, tem-se vindo a esforçar por ser o mais charmoso.
E muito bem, a meu ver.
O terreno encontrava-se em pousio…
Aguardava  apenas a sementeira.
Lá para setembro veremos a colheita...