quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Marketing & publicidade

Armazéns de Lavos. Foto de antónio agostinho 

Ainda existem problemas graves em portugal!..

Bagão e César das Neves assinam petição contra o casamento gay e aborto...

Com franqueza, decidam-se...

«Há meses, houve barulho porque Artur Baptista da Silva acrescentou umas coisas ao seu currículo. Agora, há barulho porque Franquelim Alves retirou umas coisas ao dele. Com franqueza, decidam-se. Não se pode ser criativo com o currículo, que este maldito cinzentismo português não deixa. (...)

Quanto a indignações, só tolero a dos centristas. O CDS, neste momento, é o partido com o qual o povo português mais se identifica. Eles também não concordam com nada do que o Governo faz, mas não têm outro remédio senão amochar.»

Em tempo.
Nem a crónica de Ricardo Araújo Pereira, hoje na Visão,  escapa  ao tema dos últimos dias – a saga Franquelim Alves.

Governo, quer todo o peixe em paz...

É preciso que os portugueses sigam o exemplo do governo,  que há muito deixou o peixe graúdo em paz…
O governo quer  que os portugueses vivam  no Portugal do futuro: sem luz, sem água e sem peixe, mesmo que  abaixo da dimensão mínima

Sempre fiel a si próprio...

Pedro Santana Lopes anunciou hoje que vai suspender o cargo de 
vereador na Câmara de Lisboa, por três meses, por "falta de tempo"...

Continuo fascinado com Portugal. Não por estar na moda. Mas, por querer continuar na merda!..

De acordo com os resultados do Barómetro Político Marktest de Janeiro, o PS lidera com 32.6% de intenções de voto, seguido do PSD com 27.9%, gerando uma situação próxima do empate técnico entre estas duas forças políticas. O BE atinge 13.3% e a coligação CDU (PCP/PEV) obtém 12.4%. O CDS é o partido com assento parlamentar com a percentagem de intenções de voto mais baixa: 5.2%. 
Visto de outra forma, se as eleições fossem hoje, os três partidos pró-troika obteriam aproximadamente 3 em cada 4 votos e as duas forças partidárias alter-troika aproximadamente 1 em cada 4...
Portugal ainda não regista níveis de desemprego e de miséria suficientes para que a maioria dos portugueses manifeste uma vontade inequívoca de mudança... 

Fisco vende bens de presidente da Naval...

 Leia a história no CM.