quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Já?..

O presidente da Aliança, Pedro Santana Lopes, admitiu que o vice-presidente do partido Carlos Pinto pode vir a ser afastado. Em causa está uma acusação de peculato e prevaricação, noticiada pela SIC, relativa à casa do ex-autarca da Covilhã. No processo, o Departamento de Investigação e Acção Penal de Coimbra considerou que tudo foi feito ao arrepio do Plano Diretor Municipal (PDM). Santana Lopes afiançou aos jornalistas que a “Aliança não quer tomar nenhuma posição definitiva sem ouvir e saber”, se o próprio quer tomar a atitude de se afastar. 
Carlos Pinto só regressa esta quarta-feira à noite de Roma.

Via jornal i

1 comentário:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Aliança não quer tomar nenhuma posição definitiva sem ouvir e saber”,

Mas Santana deixa passar
um recado subliminar
o Pinto que se ponha a andar